Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

vgBR.com – Videogames Brasil | 24 de junho de 2017

Ir para o topo

Topo

5 Comentários

Alienware na E3 2013

A equipe da vgBR esteve no stand da Alienware na E3 2013 e falou com Neil Hand, Vice Presidente da empresa, que nos apresentou os últimos modelos de notebooks para games que a Alienware lançou durante a feira.

Gostou do vídeo? Curta e compartilhe e se inscreva em nosso canal do Youtube!

Curta nossa página do Facebook e pra receber as últimas novidades das nossas mídias, siga-nos no Twitter.

Continue acompanhando nossa cobertura da E3 2013 em nossos hotsites:

e3.vgbr.com

microsoft.vgbr.com

sony.vgbr.com

nintendo.vgbr.com

2013 vgBR — Videogames Brasil ® — Todos os direitos reservados

Átila Graef

Átila Graef é fanático por conquistas do Xbox 360, General aposentado em Halo Wars, colecionador de placas de Arcades, e apaixonado por F-Zero GX.

  • Clark2k

    Esses NBs são sonhos de consumo que pretendo nunca realizar. Já comprei um NB top de linha da Dell e me arrependo disso até hoje. Não importa quão bom ele é, em 1 – 3 anos tá velho e custa MUITO dinheiro..!

    No demo que Átila jogou, pena que o jogo que tinha para testar era SR4, podia ser algum (BEM) melhor 😀

    • The Punisher

      É por essas e outras que prefiro jogar em console do que ter que ficar investindo muita grana em hardware para PC, que de pouco em pouco tempo tem que se fazer um Upgrade. Uso meu PC somente para o trabalho e meu notebook para uso pessoal.

      • Mas eu ainda acho que no caso desses notes aí você paga o que você leva. Um note de 17 polegadas com 2 placas de vídeo? Animal. Já no caso da Apple…

        • The Punisher

          Certamente Átila, quem quer, ou melhor, pode investir numa máquina poderosa e/ou potente dessas, porque só querer não adianta tem que se poder primeiro…rs.
          Fico no console na minha TV de 32” que pra mim já é mais que suficiente ou que posso pagar. 🙂

          • Sim concordo… mas é aquela coisa. Se você quiser é algo que vai te entregar aquilo pelo qual você tá pagando. Aqui no Brasil seria inviável, mas lá fora acho que o preço acaba “compensando” sim. 😛