Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

vgBR.com – Videogames Brasil | 27 de março de 2017

Ir para o topo

Topo

Sem Comentários

Deus Ex GO chega ao Android e iOS

Deus Ex GO chega ao Android e iOS

Que os jogos para celulares hoje representam uma fonte de lucro considerável para empresas desenvolvedoras de jogos é notório.Porém, o público central desses games é ainda muito casual, e isso se deve a dois fatores: o próprio formato do celular: mais simples, geralmente usado enquanto o usuário transita (metrô, ônibus, táxis) reduzindo assim o tempo de cada partida, e a própria limitação de processamento e armazenagem: dificilmente alguém baixará um game de 7GB (nenhum pacote de dados aguenta isso) fora de casa e quando utilizando um WiFi, isso seria viável apenas dentro de casa, onde a opção de games não se restringe mais apenas ao celular na maioria dos casos.

deus ex go (4)

Além disso, existe uma palpável resistência de jogadores não casuais a essa plataforma. Por melhores que sejam os jogos lançados, muita gente simplesmente se nega a jogar em celulares. Compreensível quando se tem uma enxurrada de plágios, cópias descaradas e pseudo-games nas bibliotecas das AppStores e GooglePlay’s da vida.

Assim, essa fatia do mercado ainda sobrevive de remasters, ports de consoles (muitas vezes mal feitos), spin offs e pouca coisa realmente original e divertida. Falando em spin-offs, esses gêneros em sua maioria apresentam uma versão extremamente limitada do jogo original, onde tal limitação impacta diretamente a diversão do título, simplificando demais a fórmula a ponto de deixá-la boçal.

Deus Ex GO é exatamente o oposto de todos esses argumentos. Um jogo de quebra-cabeças/infiltração baseado em turnos, com gráficos estilizados de sua versão original que traz uma boa dose de desafio e diversão, destoando da maioria dos lançamentos do gênero, de uma forma extremamente positiva. Sendo fã ou não da série original, vale a pena você experimentar o título.

deus ex go (3)

A Square Enix Montreal acertou em cheio na hora de criar um game engajado, disposto a realmente prender sua atenção e entregar certo nível de desafio que o afaste de um título meramente casual. O sistema de recompensas é extremamente equilibrado, fazendo com que seja uma motivação extra para gastar algumas horas tentando desvendar os inúmeros quebra-cabeças do título. Tudo isso é feito mantendo o espírito de Deus Ex, e não apenas utilizando seu título como único elemento real da série AAA da Square Enix.

Desvendar os quebra-cabeças de Deus Ex GO é extremamente divertido, e não apenas um desafio que você se sente compelido a fazer o famoso “tentativa e erro”, mas sim entender o que o jogo lhe proporciona e as engrenagens por trás de cada desafio. Além do mais, quando comparado com os outros jogos da série GO, ele é o primeiro a tentar adicionar um elemento narrativo, criando uma atmosfera ainda mais interessante e reforçando o vínculo com o jogo original. No entanto, com o passar do tempo, ela falha em manter o mesmo nível de qualidade, e nesse ponto, felizmente, os quebra-cabeças conseguem manter o interesse e a vontade de avança à todo vapor.

deus ex go (3)

O jogo oferece 54 fases, mas eles não são suficientes para mantê-lo jogando por muito tempo. Não chega ser curto, mas poderia ser maior, mesmo com a adição de novos desafios semanalmente. Uma grande diferença no entanto é que ao contrário de Hitman Go (que oferece diversos objetivos por nível), Deus Ex possui apenas um, o que impacta diretamente o fator replay. Mas o verdadeiro ponto negativo são as microtransações.

A forma como elas foram implementadas é algo quase que maquiavélico. O jogo permite que você compre as soluções para os quebra-cabeças, fazendo com que o jogador possa avançar caso esteja preso em algum desafio. Porém, o preço de 2 soluções, custam em torno 3 dólares, enquanto um pacote de 10 dólares lhe dará direito a 25 delas. Ou seja, levando em conta que o game possui 54 estágios, com 10 dólares você consegue “estragar” metade do jogo facilmente. Para um jogo de quebra-cabeças, pagar pela solução chega a ser obsceno.

deus ex go (2)

Apesar desses problemas, o jogo é extremamente divertido e consegue cumprir bem seu papel de spin-off sem parecer preguiçoso ou artificial. Muito pelo contrário, Deus Ex oferece uma experiência cativante, recompensadora e extremamente divertida para os amantes do gênero quebra-cabeças.

Bruno Carbone

Bruno Carbone (aka Overload) é viciado em piada ruim e trocadilhos de gosto duvidoso. Três vezes campeão mundial por W.O. de Pirocóptero Online. Odeia quando perguntam "por que você joga se xinga tanto o videogame?" quando está jogando Dark Souls. Tem pessoas que simplesmente não entendem...


Análises