Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

vgBR.com | 22 de outubro de 2018

Ir para o topo

Topo

Sem Comentários

Exorder – Análise

Exorder – Análise
Pedro Kakaz

Review

Estratégia em turnos carismático

Exorder é um game simples e divertido, com algum desafio e gráficos bem carismáticos.

Exorder é um game de estratégia tático em turnos desenvolvido pela Solid9 Studio e distribuído pela Fat Dog Games.

Eu nunca fui muito fã dos tactical turn-basedpela demasiada complexidade de se jogar e entender os conceitos, ainda mais quando criança lembro de colocar as mãos em games desse tipo e ficar extremamente cansado. Exorder é uma ótima porta de entrada pois tem como base o contrário disso.

Geralmente começo uma análise pelo enredo, porém aqui o modo campanha serve como um tutorial básico de possibilidades. São 12 missões ao todo que contam a história de três reinos vizinhos brigando por este reino principal onde o rei está morto e sua filha inexperiente assume a realeza. Esses conflitos territoriais são um pano de fundo para a mecânica de território e unidades que o game apresenta.

Se você curte games com enredos complexos, diversos personagens e intrigas, Exorder não é seu jogo pois utiliza a narrativa apenas como desculpa para um modo campanha extremamente curto e introdutório. Porém eu me diverti nesse modo onde a dificuldade das missões são bem dosadas e em alguns momentos precisei repetir uma missão mais de uma vez pra concluí-la, o que tornou o gameplay interessante.

O foco do game é com certeza seu modo online, onde cada jogador irá controlar uma unidade e um castelo afim de dominar os castelos inimigos, matar as unidades inimigas e neutralizar pontos específicos do cenário. O game funciona como um tabuleiro e cada jogador tem seu turno para realizar um movimento e ataque com cada unidade e comprar unidades novas no castelo com moedas que são acumuladas a medida que você conquista mais territórios e mais mata mais inimigos. Cada unidade custa um tanto de moedas referentes a quanto dano aguenta ou desfere, se tem habilidades especiais, etc… Senti falta de um maior número de unidades distintas, mas é algo que pode ser implementado com atualizações.

As partidas podem ser 1 vs 1, 2vs2 ou até 4 free for all, onde os jogadores irão se enfrentar até que sobre apenas um herói. Como você irá administrar suas moedas, se posicionar no cenário, conquistar territórios é o fator crucial para vitória ou derrota. Criar mais unidades de arqueiros, cavaleiros, unidades que curam ou que teleportam no mapa? O game aposta na simplicidade e isso funciona muito bem e todas as mecânicas são extremamente simples de aprender e de executar.

Os gráficos são carismáticos e convidativos, bem cartoonescos e quase caricatos. O guerreiro tem ombros bem largos e feições mais grotescas, o arqueiro é mais esguio e careca, os conjuradores são mais baixos e meio gordos. As texturas são simples e bem coloridas, não me incomodam mas também não tem nada grandioso. Da mesma forma a trilha sonora, que é até bem genérica.

Infelizmente o game não está em português, porém isso não é um fator decisivo para compra pois como falei, tudo é bem simples de se entender e o enredo não é o ponto decisivo do game.

Exorder é um game simples e divertido, com algum desafio e gráficos bem carismáticos.

Pontos Positivos

  • Combate divertido e simples
  • Gráficos carismáticos
  • Dificuldade balanceada no modo campanha

Pontos Negativos

  • Carece de conteúdo
  • Não está em português
Pedro Kakaz

Pedro Kakaz

Pedro Kakaz é apaixonado por Dark Souls, eterno hero of time, jogador de Dota que ama o trabalho que faz.