Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

vgBR.com | 21 de julho de 2018

Ir para o topo

Topo

Sem Comentários

Dragon’s Crown Pro – Análise

Dragon’s Crown Pro – Análise
David Signorelli

Review

Dragon's Crown 4k

Se você nunca teve oportunidade de jogar esse jogaço da Vanillaware e é doido por RPGs de ação, adquira logo essa joia, pois games como esse não saem todos os dias

Se tem um jogo que eu nunca pensei que teria uma atualização, esse jogo se chama Dragon’s Crown. Originalmente lançado em 2013 para PlayStation 3 e Vita, Dragon’s Crown veio para saciar a sede dos jogadores que sentiam falta dos antigos jogos de beat’ n up.

A desenvolvedora Vanillaware conseguiu criar um visual 2D fantástico, que apesar de ter personagens com proporções duvidosas, não deixou de ter bastante qualidade. A arte macabra deu um toque de fantasia na produção, puxando bem mais para uma arte ocidental, algo que não vemos muito em jogos feitos no Japão.

A trilha sonora assinada por Hitoshi Sakimoto (Final Fantasy Tactics, Valkyria Chronicles, etc…) caiu como uma luva e os controles não poderiam ser mais precisos, tanto na versão de console quanto do portátil.

Tive a oportunidade de jogar na época e acabei considerando um dos melhores jogos do ano, ainda mais considerando os elementos de RPG que deixaram tudo mais interessante. Com toda essa qualidade já existente no jogo original, não consegui entender o por quê de existir essa versão e explicarei os motivos.

ERA UMA VEZ…

A história de Dragon’s Crown Pro existe apenas como um complemento, ela é inteiramente narrada e podemos escolher até quem vai narrar sua aventura, algo que gostei bastante, assim que pude já optei pela voz charmosa da Feiticeira.

Não espere nada demais nesse aspecto aqui e sinceramente, jogos assim precisam aparecer mais. O jogo começa super rápido e logo já estamos nos calabouços fazendo o trabalho sujo. Nem todo jogo precisa de uma mega história para ser bom e Dragon’s Crown Pro deixa isso bem claro.

EM 4K TUDO FICA MAIS BONITO

A Vanillaware deu uns retoques na parte gráfica dessa aventura, o jogo agora conta com uma resolução em 4K e alguns efeitos de luz foram adicionados. No papel tá tudo certo, o problema é que sinceramente não vi diferença alguma na qualidade visual de Dragon’s Crown Pro. O jogo parece exatamente o mesmo do PlayStation 3, o que vai deixar muita gente decepcionada.

Não sei se é somente eu, mas fico pensando no trabalho que os artistas tiveram para fazer tudo aquilo desenhado a mão, detalhe por detalhe, para passarmos pelas telas em questão de segundos. Sim, o jogo é inteiramente “artesanal”, todo feito a mão, algo que hoje em dia é praticamente inexistente.

Posso relevar algumas coisas pois o original já era super bonito, mas já se passaram quase 5 anos e um hardware superior poderia deixar ainda melhor. Perderam também a chance de dar uma revitalizada naquela interface confusa…

CADÊ O BARDO?

A opção de músicas orquestradas foi muito bem vinda, entretanto não achei a mudança muito significativa. Não sou músico, sou apenas um apreciador de jogos eletrônicos e tive dificuldade para perceber ganho verdadeiro em qualidade no departamento musical.

As faixas do jogo original já tinham uma “pegada” orquestrada, apesar de ainda ser praticamente tudo sintetizado. Acredito que algumas pessoas com ouvido mais afinado vão perceber os novos instrumentos e arranjos, porém a maioria dos jogadores com certeza vai passar batido.

UMA FÓRMULA DE SUCESSO

Dragon’s Crown Pro é pura diversão, essa fórmula de encarar as dungeons, ganhar level com os personagens e adquirir novos equipamentos sempre é garantia de prender os fãs de RPGs de ação por horas à fio. Soma isso tudo com um multiplayer online ou mesmo local, a diversão em grupo é garantida.

Não tem amigos para jogar? Não se preocupe, você pode recrutar heróis para lhe ajudar na aventura, realmente parece que pensaram em tudo. Variedade de sobra é encontrado aqui, é bem difícil enjoar do jogo pois contamos com 6 classes completamente diferentes e mesmo depois de muitas horas, jogar com uma classe diferente vai lhe proporcionar uma experiência nova.

Uma pena que não temos conteúdo novo, sem exageros falar que pelo menos uma dungeon nova já daria motivo para antigos jogadores voltar para o mundo de Dragon’s Crown.

DRAGONS CROWN 4K

Infelizmente não tenho como recomendar Dragon’s Crown Pro para quem já é jogou o original, ele é apenas um excelente port com poucas melhorias que não justificam o preço cobrado por ele. Agora, se você nunca teve oportunidade de jogar esse jogaço da Vanillaware e é doido por RPGs de ação, nem pense e adquira logo essa jóia, pois jogos como esse não saem todos os dias.

Pontos Positivos

  • Diversão garantida no multiplayer
  • Gráficos lindos
  • Controles precisos

Pontos Negativos

  • Não tem nada de conteúdo extra
  • Melhorias pouco relevantes
  • Preço alto para um port
David Signorelli

David Signorelli

Amante de jogos japoneses, foi responsável por derrotar os Weapons de Final Fantasy VII que iriam afundar a Ilha da Rainha da Morte, conhecida como Florianópolis. Se arrepende disso até hoje.