Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

vgBR.com | 17 de outubro de 2018

Ir para o topo

Topo

Sem Comentários

Testamos o Hyper X Pulsefire Surge

Testamos o Hyper X Pulsefire Surge
Pedro Kakaz

A HyperX mandou o bonito e poderoso mouse Pulsefire Surge para testarmos, segue o vídeo e nossas impressões dessa maravilha.

Não tem como não dizer que uma das características mais marcantes do Pulsefire é o show de luzes e cores que ele proporciona. Seu design não é só bonito e customizável como também tem uma ergonomia digna de um mouse gamer. Posso falar que mesmo depois de seis horas jogando PUBG direto, a pegada do mouse ainda é confortável e exerce precisão e estabilidade na sua jogatina.

Ainda se tratando do design de luzes, você tem uma performance muito melhor de customização se usar o software gratuito HyperX NGenuity, com ele você escolhe qual cor/cores deseja que apareça no mouse e como elas vão se comportar, indo de ondas a explosões de flashs.

Mas não só de beleza vive o Pulsefire Surge, com uma resolução poderosa de 16 mil DPIs você tem uma precisão e velocidade sem igual para mouses da mesma faixa de preço. Os botões laterais não são muitos, diria que o suficiente, dois botões do lado esquerdo do mouse que você pode acessar com seu dedão. São botões confortáveis e de fácil acesso rápido. Os jogos testados foram, PUBG, Overwatch, Fortnite e Dota 2. Em todas as ocasiões tanto a precisão quanto a quantidade de botões foi totalmente satisfatória.

Pra fechar com chave de ouro o mouse ainda possui um botão que controle a quantidade de DPIs que você deseja, podendo se alternar dependendo da sua necessidade.

É uma excelente escolha para quem quer um mouse confortável, preciso, rápido, bonito e acessível.

Para mais informações continue acompanhando a vgBR. Sempre feliz em analisar os periféricos da HyperX.

Pedro Kakaz

Pedro Kakaz

Pedro Kakaz é apaixonado por Dark Souls, eterno hero of time, jogador de Dota que ama o trabalho que faz.