Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

vgBR.com | 23 de junho de 2018

Ir para o topo

Topo

Sobre Daniel Galvani

Daniel Galvani

Daniel Galvani

Daniel Galvani é apaixonado por games desde a mais tenra idade. Começou neste hobby em 1983 com um Atari 2600 Polyvox e segue firme até hoje. PC Gamer, amante de jogos de tiro, estratégia e action RPG, retrogamer, estuda a história dos jogos eletrônicos com afinco.

Posts de Daniel Galvani

Far Cry 5 – Análise

26 de março de 2018 |

Bem amigos, cá estamos nós novamente com um novo Far Cry e a Ubisoft escutou as palavras do saudoso Vaas Montenegro pois agora TEMOS NOVIDADES!!! Os tempos de Far Cry Primal ficaram para trás (ainda bem).

Leia Mais

Análise – Far Cry Primal

24 de fevereiro de 2016 |

Você e seus companheiros vagueiam pela Europa, estão famintos; não há um Pub, um restaurante ou um croissant pela região; Vocês avistam uma boa fonte de alimento, um animal enorme, peludo e com enormes presas, armados apenas de lanças e flechas seus amigos cercam o animal, caça-lo será uma questão de vida ou morte.

Leia Mais

Análise – Dragon Ball Xenoverse

11 de março de 2015 |

“Os únicos que sobrevivem são os fortes, os fracos morrem.”

Essa frase do principe dos sayajins, Vegeta, pode resumir um pouco a nova aventura do universo de Toriyama. Coloque “Chala head chala” na cabeça e vamos falar de Dragon Ball: Xenoverse.

Anunciado ano passado e lançado dia 24 de Fevereiro, Dragon Ball Xenoverse é o mais novo jogo da série Dragon Ball e o primeiro título para os consoles da próxima geração.

Leia Mais

Análise – Assassin’s Creed: Rogue

2 de dezembro de 2014 |

YO-HO-HO, uma vida de pirata pra mim.

De volta ao mar no ultimo capítulo da saga Americana de Assassins Creed: Rogue.

Leia Mais

Análise – Assassin’s Creed: Unity

18 de novembro de 2014 |

Gente nas ruas, protestos, quebra-quebra. Soldados tentam conter a multidão. Palavras de ordem são gritadas… não, não é mais uma revolta black bloc. Essa revolta tem outro tom, é regada à Marselhesa, Ça ira e Guilhotinas.

E você, meu caro, é mais um feliz proprietário de um equipamento Helix de entretenimento (uma divisão Abstergo), pode acompanhar essa revolução em primeira mão. Assim começamos mais um capítulo na saga do Credo. Bem vindo a Assassin’s Creed: Unity.

Leia Mais

Análise – Assassin Creed: Liberation HD

21 de janeiro de 2014 |

“Nada é verdadeiro. Tudo é permitido.”

Desde o anuncio de AC3, a Ubisoft recebeu críticas que estava cedendo ao poderio financeiro do Tio Sam, deslocando sua série da velha Asia/Europa para o novo mundo. Nada foi mais incorreto.  Com o retrato de um General Washington indeciso e por vezes medroso e um índio que faria toda a diferença na independência Americana, a Ubi mostrou uma grande coragem.

E isso se mantém em Liberation!

Antes exclusivo para o Vita, agora está disponível para os consoles de mesa em uma versão com gráficos melhorados, adaptado para as máquinas da geração atual e com legendas em Português. Como ele se saiu? Vamos dar uma rápida passada por esta versão de AC que poucos abonados com o portátil jogaram. Leia Mais

Análise – The Legend Of Zelda: A Link Between Worlds

3 de dezembro de 2013 |

Hora de começar uma nova Aventura no mundo de Hyrule, ambientada na era da Luz e Escuridão, encontramos um novo descendente do herói do tempo numa batalha entre o bem e o mal para salvar a princesa Zelda e o reino de Hyrule.

A Link Between Worlds é uma sequencia direta de A Link to The Past, lançado para o Super Nintendo em 1991 (considerado por alguns o melhor Zelda já lançado, numa briga grande com Ocarina Of time nos corações dos fãs da série).

Desde o inicio, para quem viveu aquela época, já se percebem semelhanças entre os jogos. Hyrule é praticamente a mesma, com mapas muito semelhantes (tirando alguns detalhes), posição de inimigos, até mesmo algumas cavernas são situadas nos mesmos locais.

Leia Mais

Análise de FarCry 3 (PC)

17 de dezembro de 2012 | 3

“A sociedade te ensinou a falhar. Não a natureza”

FarCry 3 é um lançamentos mais esperados do ano, alguns aguardaram com esperança, outros, com desconfiança. Isso devido ao capítulo anterior desta franquia, FarCry 2, que tinha muitos problemas e falhas.

Pois  essa desconfiança acaba de ser desfeita, FarCry 3 é sem sombra de dúvida um dos melhores jogos deste ano, talvez, da geração. Os inimigos com respawn infinito e a malária definitivamente ficaram para trás. É bonito, bem feito, personagens bens construídos, mapa quase perfeito e uma história, que embora meio clichê, é bem amarradinha.

O personagem de Jason (o protagonista), é um Oasis em meio a FPSs, no começo, parece ser mais um personagem sem carisma, porém logo ele ganha a simpatia do jogador, pois demonstra emoções, medos e deixa bem claro quando a adrenalina bate, mesmo que não seja o melhor momento…

pessoas

Personagens são bem… construídos.

O jogo, assim como seus antecessores tem base numa jogabilidade stealth combinado com estratégia e precisão. Leia Mais

Análise – Call Of Duty: Black Ops 2 / Campanha

18 de novembro de 2012 |

Olá a todos, estou postando agora, 01:33 da Madruga de Domingo, no meio do feriadão, um review sobre a campanha Single Player do mais novo membro, de uma das franquias mais bem sucedidas da história dos Games, CoD … Leia Mais

X-COM: Enemy Unknown – Review

29 de outubro de 2012 | 1

Bom pessoas, mais um jogo fechado pra esse ano. Hoje vamos falar da nova versão de um jogo que foi lançado à 20 anos, X-COM: Enemy Unknow; Mas antes um pouco de história:

Essa franquia, que foi desenvolvida pela Microprose à 20 anos, ganhou o respeito da comunidade de jogadores de PC praticamente na base do boca-a-boca. Chegou devagar e aos poucos se tronou um grande nome da jogatina em PC, praticamente demonstrava aonde jogos de Computador se diferenciavam de jogos de console, ou o que diferenciava homens de meninos.

Xcomantigo

Primeira versão de X-COM

Leia Mais