Welcome to vgBR.com - Videogames Brasil

Registre-se agora para ter acesso a todos os benefícios do fórum, o registro é totalmente de graça e você poderá interagir com os usuários do fórum de forma mais ativa

Não perca tempo e cadastre-se agora mesmo, leva 2 minutinhos

Fóruns

  1. Jogos

    1. Consoles, PCs e Jogos

      Comente as últimas novidades no cenário de jogos e acessórios para consoles, portáteis e PCs.

      623.254
      posts
  2. Social

    1. vgBR Café

      Espaço livre para interação entre a comunidade. Informática, Tecnologia, Cinema, TV e Música.

      436.005
      posts
  3. Serviços

    1. Classificados

      Local para Venda, Compra ou Troca de Videogames, Acessórios e afins. Atenção: As negociações realizadas através deste fórum são de total responsabilidade dos usuários.

      9.429
      posts
  • Estatísticas dos Fóruns

    43.081
    Tópicos
    1.120.978
    Posts
  • Estatísticas de Usuários

    16.937
    Membros
    588
    Recorde Online
    Giordano_8654
    Membro Mais Novo
    Giordano_8654
    Registro em
  • Quem Está Navegando   2 membros estão online

  • Quem Está Online   3 Membros, 0 Anônimos, 17 Visitantes (lista completa)

  • Últimas Postagens

    • A DLC com essa batalha do sapo é a Hearts of Stone né? É bacaninha sim, mas a  Blood and Wine é que é sensacional. Inclusive parece que os caras refizeram alguns efeitos gráficos. Poderia ter sido vendida como um side game, tranquilamente. Até porque é ENORME!   O DLC de Uncharted 4 sai no xixi.   Sobre Hellblade... Tenho algumas afirmações: 01) É um jogo pra entrar no clima. Entrou? Curtiu! Senão, é fail. 02) É essencial que se jogue com H7. 03) Tem os conceitos de  puzzles mais inovadores que vi nos últimos tempos. 04) 3h já tá acabando kkkkk  05) Poderiam ter incrementado o combate. Bastante tempo que não via um combate tão bacana. Só que se mostrou repetitivo.      
    • Sim, não faz sentido não jogar.   A do Ignis é perfeita.    
    • A HAVAN – uma das maiores empresas varejistas do Brasil – anuncia a criação de sua organização de eSports. Com um Gaming Office em construção na cidade de Brusque, em Santa Catarina – que será inaugurado em Agosto, a empresa investirá inicialmente na modalidade League of Legends. O investimento da HAVAN no mercado brasileiro de eSports chega para fortalecer ainda mais esse segmento que apresenta crescimento fora da curva no Brasil e no mundo. “É evidente o crescimento do mercado e da comunidade de eSports no Brasil, mas ao mesmo tempo notamos uma grande demanda por investimentos substanciais no setor. Decidimos investir em eSports para atender essa demanda e alcançar ótimos resultados a longo prazo”, afirmou Matheus Hang, sócio-fundador e um dos idealizadores do projeto. Os jogadores irão treinar no Gaming Office, mas irão morar em suas próprias casas. “A nossa opção por utilizar o Gaming Office foi baseada em um dos nossos principais propósitos, que é profissionalizar o cenário de eSports no Brasil”, contou Samuel Walendowsky, responsável pelo investimento da companhia no mercado de eSports. “Com isso os jogadores terão um espaço exclusivamente dedicado para o dia-a-dia de uma equipe, além de ajudar na separação da vida profissional e pessoal do atleta, exigida em uma relação profissional de trabalho”, completou. Esse é o primeiro projeto da América Latina no qual uma estrutura de Gaming Office foi projetada e está sendo construída desde o início com foco em abrigar uma equipe de eSports. “Essa foi uma das nossas prioridades desde o início. Projetar e desenvolver uma estrutura desde o zero nos proporciona um aproveitamento maior do terreno e nos permite projetar espaços que adaptar uma construção pré-existente não nos permitiria, como nosso espaço de convívio e interação com a torcida”, completou Samuel. “No Gaming Office da HAVAN teremos uma estrutura preparada para atender as necessidades da equipe, composta por duas salas de treinamento – com um total de doze estações de trabalho para os atletas, sala de análise, sala para comissão técnica, área de convivência, sala de reuniões e uma mini arquibancada para interação com os fãs durantes os jogos”, contou Leonardo Hang, sócio-fundador. A empresa entrará com tudo no mercado de eSports, formando uma estrutura de peso por trás da administração. Além de um CEO coordenando as atividades, a organização já possui com uma conselho administrativo com os sócios fundadores, assessoria de imprensa, assessoria jurídica, assessoria de marketing digital, contabilidade, psicólogos, entre outros profissionais envolvidos na operação. “Com a entrada da HAVAN nesse mercado, esperamos trazer ainda mais credibilidade ao segmento e ajudar construir um cenário bem forte e estruturado”, comentou Lucas Hang, sócio-fundador. “Imaginamos que a nossa entrada incentive os nossos parceiros na HAVAN e outras grandes empresas a investirem, atraindo capital e fortalecendo ainda mais o cenário brasileiro de eSports”, completou. Sobre a HAVAN: Fundada em 1986 na cidade de Brusque pelo empresário Luciano Hang, a HAVAN se tornou uma das maiores redes varejistas do Brasil, somando mais de 110 megalojas, localizadas em 15 estados brasileiros. O investimento em eSports da HAVAN conta com um conselho administrativo formado pelos três filhos do fundador da HAVAN: Lucas, Leonardo e Matheus Hang, que buscam formar, a longo prazo, uma identidade tão forte nos eSports como seu pai conseguiu no mercado varejista. Leia matéria original no site, e comente!!!
  • Tópicos

  • Top Reputação

  • Últimos usuários online