Welcome to vgBR.com - Videogames Brasil

Registre-se agora para ter acesso a todos os benefícios do fórum, o registro é totalmente de graça e você poderá interagir com os usuários do fórum de forma mais ativa

Não perca tempo e cadastre-se agora mesmo, leva 2 minutinhos

SEELE-01

Membros
  • Total de itens

    9.125
  • Registro em

  • Última visita

  • Time Online

    1024d 12h 48m 29s

Reputação

785 Playstation 3

3 Seguidores

Sobre SEELE-01

Informações de Perfil

  • Sexo Masculino
  • Localidade Belo Horizonte - Minas Gerais
  • Interesses Hardware, Tecnologia, Games, Séries.

Métodos de Contato

  • Website URL http://www.youtube.com/canalcheckpointgamer
  • Skype magnus__petraak@hotmail.com

Redes Sociais

  • Facebook canalcheckpointgamer
  • Twitter checkgamer

Game Network

  • Xbox Live SEELE O1
  • PSN ID SEELE-CCPG
  • Steam ID SEELE-01
  • Battle.net ID SEELE#11537
  • Ubisoft ID CCPG
  • Origin ID CheckPointGamer
  • Epic ID SEELE-01
  • Discord ID SEELE-01 #5519

Últimos Visitantes

983 visualizações
  1. O Leon também fica com a roupa manchada de sangue com as mordidas. Algo que a gente sempre desejou na franquia.
  2. Quando eu era jovem, gastava o dinheiro do ônibus e do lanche, para jogar Arcades. Ficava cansado e com fome, todos os dias, mas jogar era maior do que isto. Também já "pendurei" dívidas de compra de jogos e consoles, antes do Plano Real, onde o dólar subia todo dia e minha dívida rolava feito uma avalanche, também na juventude. Já cheguei a comprar jogos de consoles que eu nem tinha ainda, para depois comprar o console. (Exemplo: X-Men Saturn) Já cheguei a pagar R$300,00 em jogo da Nintendo, mesmo entulhado de dívidas no cheque especial, logo após o Plano Real, onde o R$ custava U$1,10. Já cheguei a "trabalhar" de 10 a 12 horas por dia, "farmando" materiais em World of Warcraft, para fazer dinheiro e pagar minhas mensalidades, por mais de 5 anos. Passei pela loucura possessiva de conquistas em determinados jogos. Já cheguei a assinar revistas de games importadas. e sustentar mais de três consoles e PC em uma mesma geração. Até poucos anos atrás, uns 5 ou mais, já faltei ao trabalho para poder comprar game em mídia física no day-one e jogá-lo na hora. Fiz isso mais de uma vez, se não me falha a memória. Já cheguei a frequentar fórum de games 16 horas por dia, defendia consoles, jogos e marcas, arrumava treta por causa de videogame e desperdiçar um enorme tempo da minha vida com discussões absolutamente vazias e que não acrescentam em absolutamente nada. Mas hoje é bem diferente... Atualmente eu não jogo nem 10% do que eu jogava na juventude. Mas como eu jogava muito, 10% já é bem mais do que um casual jogaria. Minhas horas de Overwatch não me deixam mentir. Acredito então que estou em uma linha bem tênue entre o vício incontrolável e um uso um pouco exagerado. Mas estou tendendo para o uso exagerado, sem dependências psicológicas/emocionais. Hoje não faço mais dívidas, nem falto ao trabalho. Também não deixo de fazer outras coisas de lazer ou sociais. Então acho que escapei do diagnóstico de doença por pouco.
  3. Reduz o caralho! O correto a dizer é: Queda da mineração faz preço das GPUs chegar ao que já era caro como antes.
  4. Merda! Meu estado atual...
  5. Considerando o gênero de games "racing", já são os melhores do mundo. Não há tantas developers que possuem a excelência em games de corrida como estes caras possuem. Acima deles, somente a Turn 10 Studios, que inclusive já trabalharam juntas desde Forza Horizon. A única developer que chegaria aos pés, que inclusive foi drenada de conhecimento pela Turn 10 Studios é a Bizarre Creations do excelente Project Gothan Racing. As outras developers que sobram são: Codemasters Slightly Mad Studios Polyphony Digital Kunos Simulazioni Image Space Eutechnyx
  6. Este gráfico apenas confirma como minha preferência é fora da curva!
  7. Comecei aquela "disgrama"de Destiny 2. Antes que me perguntem, não paguei por esta bomba. Havia falado que a Bungie e Activision não veriam minha grana novamente e mantive a promessa. Preguiça infinita de terminar a campanha que de campanha não tem porra nenhuma.
  8. Fotorealismo? Tá deixando se enganar por CG e cenas pre renderizadas em pleno 2018. Aqui está o gameplay, meus crianços. Os gráficos estão lindos, mas como eu disse antes, foto-realismo nessa engine é bem difícil, viu.
  9. Seus danadinhos... Quando eu postei que nem considero a Nintendo na E3, vocês caíram matando nos comentários. Aprendam com o supra-sumo da minha sabedoria gamística webal, jovens gafanhotos.
  10. Sony Playstation Acertei a encheção de linguiça, com nego tocando banjo e nego tocando flauta. Acertei o repeteco da E3 anterior com Spider-Man e Days Gone. Acertei os VR games e Indies. Me surpreendi com RE2 Renake, Ghost of Tsushima, The Last of Us Parte II, Control (Quantum Break 2 disfarçado), Death Stranding. Venceu na minha opinião como a mais relevante conferência. Microsoft Xbox One Acertei 4K pra cá e pra lá. Acertei as franquias de sempre, Halo, Foza Horizon, Gears of War. Acertei com mais conteúdo de Crackdown 3 e nem o pai do Chris (Terry Crews) deixa isso menos sonolento. Acertei o tempão gasto com Gamepass. EA Acertei a tentativa de tapar o sol com a peneira com as microtransações. Acertei repeteco de Anthen. Acertei o "copy-paste" de FIFA, NBA, NFL, etc... Me surpreendi com Unravel 2. Ubisoft Acertei o mais do mesmo, Mugens de suas próprias franquias, Assassins Creed, colab nintendo Mario + Rabbits, Trials, For Honor, The Crew, The Division, Rainbow Six, Just Dance, Beyond Good & Evil. As novidades não me interessaram em nada.
  11. JOGO LINDO! CAPCOM ME POSSUA!
  12. Este jogo tem muito potencial. Existe uma lacuna enorme deixada pela a ausência de jogos que variam sua jogabilidade entre um "Souls"e um "Ninja Gaiden".
  13. Estou jogando no PS4 Pro em uma TV 4K com HDR. Não me reparei em nenhum efeito inoportuno de tearing. O jogo flui muito bem e nem tem gráficos tão fodas assim para dar algum gargalo.
  14. Microsoft - E3

    Microsoft mesmo, não apresentou muita coisa dela... Forza Horizon 4 já estava mais do que evidente que seria anunciado, e por mais que gostemos, tem aquela cara de mesmo jogo com DLC de cenário diferente. Vão mudar as músicas e tá pronto o novo jogo. Gears of War 5 parece estar ainda melhor graficamente e do pouco que a Microsoft ofereceu, o gameé a menina dos olhos pra 2019. O outro Gears táctico parece interessante e uma alternativa para XCOM. Cuphead e Ori não vão vender bem, pois a dificuldade destes games nnão é pra casual. São jogos fodas e excelente, mas concordemos que não são jogos que vendem console e nem vendem muito pro público casual. O resto que prestou não veio da Microsoft, mas sim de desenvolvedoras como Devil May Cry 5 que está bem bonito e com design muito foda. Dying Light 2 foi um agradável surpresa. Mas em termos de "serviço" gamepass tá foda pra caralho mesmo, embora eu não curta esse tipo de assinatura.
  15. EA - E3

    EA empurrando essa porra da Frostibite Engine em todos os jogos. Decepcionado com Anthem ser produzido sob essa engine. Já dá pra sacar que aquele gráfico da E3 de 2017 era mais do que maquiado com Motion Blur e outras coisas. Pelo menos não vai ter loot boxes. O que não quer dizer que não vai ter trocentas DLS pagas para obrigar o jogador a dar conta das RAIDs mais difíceis. Não se enganem tão facilmente, pequenos gafanhotos... o DLC vai comer solto nesse modelo de negócio desse jogo.