Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''Geral''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Jogos
    • Consoles, PCs e Jogos
  • Social
    • vgBR Café
  • Serviços
    • Classificados

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Localidade


Interesses


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Facebook


Google


Twitter


Xbox Live


PSN ID


Nintendo ID


Steam ID


Battle.net ID


Ubisoft ID


Origin ID


Epic ID


Discord ID

Encontrado 40 registros

  1. MagnusIIIBR

    [MMORPG] eRevollution 2 - Jogo de Política/Guerra

    [MMORPG] eRevollution 2 – Jogo de Política/Guerra Como está o jogo hoje: - O Brasil declarou declarou geurra contra os EUA + Canadá + México - Atualmente temos 2 partidos, sendo um deles com 100% das cadeiras no congresso e ocupando todas as outras cadeiras do executivo (Presidente, Ministros e etc.) - A maior unidade militar brasileira é a Sons of Anarchy que ao mesmo tempo a maior unidade militar do jogo (TOP 1). - Atualmente o Brasil ocupa territórios na Venezuela, Senegal e Portugal. - Ocupa a posição de 4ª maior potência militar do jogo. Ajude o Brasil a ser grande! Ajude o Brasil a vencer os EUA! SE JUNTE A NÓS! Clique aqui e se cadastre: www.vindicator.com.br/index.php
  2. Tópico para dividirmos histórias da História. Personagens famosos, grandes batalhas, reinos fabulosos, viagens fantásticas, grandes heróis... Começo contando a primeira parte da Grande Expedição da Frota Báltica Russa rumo ao Japão! A incrível odisséia da Frota Báltica Russa Prólogo: No século XIX, a outrora poderosa China estava em escombros. Com 1 em cada 4 adultos viciado em ópio, o outrora poderoso exército estava em frangalhos. Faltava comida, as redes de transporte estavam em caos e, depois de duas humilhantes guerras contra a Inglaterra, mesmo o poder imperial estava fragmentado, com senhores da guerra locais dominando seus territórios e em guerra uns com os outros. Nesse momento, a Rússia decidiu aproveitar o caos para extender seus territórios para o extremo-oriente. Infelizmente, nessa mesma época, o Império do Japão também estava de olho nas mesmas terras chinesas e um conflito surgiu. Os russos tinham em Vladivostok um porto seguro no oriente, mas durante pelo menos seis meses por ano, o porto ficava congelado, impedindo seu uso e prendendo a Frota Russa do Pacífico. A solução foi os russos "emprestarem" dos chineses o porto de Port Arthur e moverem para lá sua frota e seu contingente militar. O plano teria sido muito bom, se o czar tivesse esperado terminar a ferrovia transiberiana. Apesar do exército russo ser infinitamente superior ao japonês, não adianta você ter 4,5 milhões de soldados se não pode enviá-los para o campo de batalha. Claro, se os japoneses tivessem sido camaradas de esperar a ferrovia ficar pronta, teria sido facílimo a conquista de parte da China pela Russia. Mas os japoneses não eram legais e atacaram Port Arthur bem no meio dessa mudança por navio, afundando alguns navios russos e prendendo os restantes no porto, sem possibilidade de sair. Japoneses acordam o grande urso. Preparativos. Ao saber dessa sacanagem japonesa, o czar ficou furioso. Ingleses, franceses e alemães estavam derrotando com facilidade os chineses, era humilhante para o povo russo um bando de amarelos derrotar sua marinha. Ordenou então que sua frota do báltico fosse para o mar da China expulsar os japoneses. Vale comentar alguns fatos. A marinha russa era capitaneada por nobres, não marinheiros e oficiais de carreira. Ainda que houvesse russos experientes em guerras, o peso da nobreza cobrava um certo preço em velocidade e vontade de seguir ordens. Somado a isso, a frota russa era grande, cerca de 40 navios de guerra, mas heterogênea, com navios maiores, menores, rápidos e lentos. A pressa em enviar uma expedição punitiva ao Japão fez com que a Russia não fizesse uma preparação adequada. Longe disso. E os resultados logo surgiriam. Navio de Guerra Classe Borodino - O orgulho da frota russa seguia o desenho dos battleships franceses, mas com mais de tudo. Entre os navios de guerra, quatro deles eram os poderosos cruzadores da classe Borodino, que já valeriam um tópico por si próprios. Os russos copiaram a poderosa classe de navios Tsesarevich francesa, adaptando os navios para seus usos (basicamente, motores maiores, canhões maiores, proteções maiores) o que tornou os navios em pesadelos dos mares no papel (com armamento e defesas incríveis), mas na prática, eram lentos frente aos modernos navios japoneses. Mais ainda, os russos tinham os modernos rádios, com os quais um navio poderia se comunicar com outro à distância. Uma nova e moderna vantagem. Além de 4 (dos 5) borodino, a frota russa tinha cruzadores, destróieres e diversos navios auxiliares. A Jornada Em outubro de 1904, a frota russa partiu em sua viagem transcontinental de, esperavam, 20 mil quilômetros. Após o que parecia uma eternidade no mar, os russos saíram do Mar Báltico e chegaram próximos à Inglaterra, no Mar do Norte. Percebendo uma série de navios desconhecidos, os russos interpretaram que eram navios-espiões japoneses, bem alí, ao lado do quintal russo. A frota então atacou vários dos navios. Infelizmente, houve uma pequena confusão e os navios espiões japoneses eram barcos pesqueiros ingleses. Bem fácil de confundir, claro. Como resultado, problemas diplomáticos entre o Império Britânico e o Império Russo. Os ingleses não aceitaram muito bem as desculpas russas de que os barcos pesqueiros ingleses eram idênticos aos torpedeiros japoneses e, por isso, bloquearam aos russos o acesso ao canal de Suez. Forçando os russos da darem uma volta gigantesca pela África para chegar no Japão. O que atrapalhou todos os planos russos e tornou mais difícil lidar com os suprimentos. Um simples erro militar, que qualquer um poderia cometer, e a Frota Báltica teve que contornar todo um continente.?? Mais ainda, foi a desculpa perfeita para os ingleses passarem a - realmente - fornecer aos japoneses informações privilegiadas sobre a localização e poderio da frota russa. Então, a frota traçou rumo para a África. Infelizmente, um navio russo ficou preso num cabo submarino. Com seu cronograma atrasado, os russos cortaram o cabo para prosseguir viagem. Infelizmente o cabo era o cabo de comunicações entre a África e a Europa, o que deixou os dois continentes sem comunicações por quase uma semana! A saga, claro, não terminou por aí. Ao circundar a África, os russos encontraram um navio desconhecido, dessa vez vendo que não era um navio inglês, o atacaram até alguém perceber que o navio desconhecido era barco mercante sueco e cessar fogo. Logo, outro espião japonês surgiu e foi novamente atacado. Era um navio pesqueiro alemão. O que trouxe outra nação a ficar contra os pobres russos. Ainda no sul da Ásia, enfim, outro navio. Os russos não poderiam errar outra vez, era impossível que fossem confundir outro navio "aliado" com japoneses e, atacaram uma escuna francesa. Os conflitos com outros europeus não eram a única coisa notável dessa odisseia. Finalmente, após aportarem em Cingapura para reabastecer de víveres (lembrem-se, a viagem precisou de mais 5.000kms por causa da sacanagem inglesa de não deixarem eles usarem aquele canal idiota deles. Nisso, os russos pegaram uma epidemia de doenças tropicais. Muitos russos morreram. Para homenagear os mortos, muita vôdega e uma salva de 21 tiros durante a cerimônia. Por azar, os russos erraram os disparos e acertaram um barco... Russo. Causando mais mortes e desprestígio à Mãe-Rússia. O almirante decidiu, então, treinar seus canhoneiros porque tava foda, se não afundavam navios pesqueiros e mercantes, como eles poderiam enfrentar os japoneses? Para isso, eles compraram um navio sucatado e o usariam como tiro ao alvo. Durante os treinamentos, os russos melhoraram muito sua mira. Todos os disparos acertaram e conseguiram afundar... O navio-reboque russo. É, confundiram os alvos. Finalmente, em maio de 1905, a frota chegou ao extremo oriente. Era uma frota com marujos cansados, doentes e com pouca vôdega, mas formada por alguns dos mais modernos e poderosos navios da Europa. Na pressa de chegar logo a Port Arthur e esmagar a frota japonesa, o almirante russo teve uma brilhante idéia. Ao invés de dar a volta em mar aberto, ele sabia que era idiotice passar no estreito de Tsushima. Ninguém esperaria que ele tivesse a brilhante idéia de passar por lá, seria uma tática digna dos maiores livros de história militar no futuro. A chegada à Port Arthur? Acho que nao Infelizmente, um navio mercante japonês viu a frota russa e avisou ao império japonês. Quando a frota passou pelo estreito, deu de cara com a frota japonesa em peso. Estreito de Tsushima: Ninguém esperaria os russos passarem por um lugar tão perigoso. Bom, o restante todos nós sabemos. A maior batalha naval da era pré-dreadnough, em que os poderosos navios russos, lentos e com péssima mira, foram massacrados pela velocidade e agilidade dos navios japoneses, derrota que jogou na lama a fama russa, gerou o descontentamento que, anos depois, levaria ao fim do Império Russo e a ascenção do Japão no rol das nações mais militarmente poderosas da Terra. Mas isso, é outra história.
  3. DyNaMo

    Obrigado a Todos

    Quero agradecer a todos os amigos e amigas do fórum pelo carinho e a confiança sobre o cargo de moderador, podem contar comigo sempre para qualquer coisa, lógico que vou ficar em cima sim das discussões, geralmente sei quando é brincadeira podem ficar tranquilo, agradeço também ao LOP pela confiança, eu fico extremamente feliz por isso sinceramente, acompanho o fórum a anos e nunca imaginaria fazer parte da equipe nessa maneira, obrigado mesmo chapa de coração. E já segue a lista dos que vão ser banidos em breve: LOP, Mike, Seifer, Galvani, Tiolazo, Rhazo, e-gamer, Wang, Pom, ITA, Kostinha, Ricko, Leiga e ainda vou ver aqui quem mais... Kheychan e Vini ainda não vão ser banidos pq preciso de meninas lindas para me adorar. SM voltando como gerente e tals, hauahauaahau. Amo vocês seus lindos. s2
  4. Tiolazo

    Qual sua empresa favorita?

    Ai gente eu gosto da Sony, acho ela muito boa em tudo que faz. Menções honrosas para CD Projekt e Google, são bem maneiras! E vcs chapas?
  5. Ralf Jones

    Astronomia amadora vgBR.

    Chapas, comprei um telescópio refrator (luneta) e gostaria de compartilhar com vocês as fotos que eu conseguir tirar. Hoje a noite, tentarei tirar alguma foto legal, abaixo seguem as que tirei pra testar o telescópio.
  6. Yuri Mello

    [Kingdom Hearts III] Notícias

    Trailer do jogo Logo após anunciar a versão em alta definição de "Kingdom Hearts II", jogo de RPG de ação que combina personagens da Disney com o universo da Square Enix, a produtora japonesa divulgou um novo vídeo do próximo game da série, "Kingdom Hearts III". As imagens mostram o protagonista Sora junto do Pato Donald e do Pateta enfrentando inimigos em várias cenas de combate, inclusive em um barco pirata todo iluminado e em um carrinho de montanha-russa. Novo Vídeo do Gameplay Kingdom Hearts 3 ganhou um vídeo com depoimento de Tetsuya Nomura, o criador da série. No player abaixo, confira novas cenas de gameplay do jogo (o áudio está em japonês): Kingdom Hearts 3 terá batalhas diferentes As Keyblades em Kingdom Hearts 3 se transformarão em espadas diferentes, de acordo com o tipo de Keyblade escolhida, como revelou Tetsuya Nomura em entrevista para a Famitsu. Nomura revelou que o último vídeo do jogo revela tais habilidades, mostrando que a Keyblade de Sora se transforma em um par de armas, as quais ele utiliza para abater os Heartless. A Keyblade Transformation varia bastante, já que cada Kingdom Hearts contou com uma dúzia de Keyblades durante os jogos, o que não deve ser diferente em Kingdom Hearts 3. Mas não só as espadas estarão diferentes, mas também o estilo de batalha de acordo com cada uma que você utilizar. Outra nova habilidade em KH 3 é o Attraction Flow, que é uma evolução do Free Flow de Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance, que dá mais fluidez aos jogadores durante os combates. Esta versão utilizará algumas atrações dos parques da Disney. Diretor quer colocar "Star Wars" em "Kingdom Hearts III" Sora e companhia podem visitar uma galáxia distante em "Kingdom Hearts III" pois de acordo com o site francês Finaland, Tetsuya Nomura, diretor do jogo, quer adicionar algo relacionado a "Star Wars" ao game. "Estamos falando sobre 'Star Wars' desde que ele se tornou uma propriedade da Disney. Quando ouvi a notícia eu reagi mais ou menos como 'Uau! Uau!'. Realmente seria fantástico se pudéssemos adicioná-lo [ao game], mas há várias restrições e regras vindas da Disney e não sabemos se isso irá acontecer, mas veremos", disse Nomura. Imaginem que caralhudo seria se Star Wars aparecesse em KH3 ! "Kingdom Hearts III" encerrará saga, mas não será último jogo da série De acordo com o designer Tetsuya Nomura, "Kingdom Hearts III" marcará o fim de uma saga na franquia de RPGs de ação da Square Enix, mas não o encerramento da série como um todo. A informação foi revelada em uma entrevista recente ao jornal L.A. Times. "Em 'Kingdom Hearts III', as batalhas que os personagens têm enfrentado nos últimos 10 anos chegarão a uma conclusão", explicou Nomura. "Mas a série continuará. Apenas o inimigo em comum contra o qual eles vêm lutando nos últimos 10 anos terá um fim". Desde o "Kingdom Hearts" original, Sora e companhia enfrentaram diversos inimigos distintos. No mais recente capítulo da saga, porém, foi revelado que todos esses eventos foram orquestrados por um único vilão, que agora será enfrentado diretamente. Ao ser questionado pelo jornal norte-americano, Tetsuya Nomura negou-se a comentar a possibilidade de personagens do universo "Star Wars" ou dos filmes da Pixar aparecerem no novo jogo. De acordo com o designer, "Kingdom Hearts III" está utilizando o sistema de combate da versão de 3DS da série, "Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance", como base para o seu próprio, mas que tudo no jogo está sujeito a mudanças. Anunciado pela Square-Enix na E3 2013, Kingdom Hearts 3 chega para as plataformas PlayStation 4 e Xbox One. Ainda não há data de lançamento prevista. Fontes: http://omelete.uol.com.br/kingdom-hearts/games/kingdom-hearts-3-video-mostra-novas-cenas-de-gameplay/#.UqNN_NJDsfY http://jogos.uol.com.br/playstation4/previas/kingdom-hearts-iii.htm http://www.finalboss.com/fb5/ctu.asp?cid=81862
  7. Tópico para discussão sobre livros, HQs e literatura em geral. Aqui pode-se discutir sobre livros acadêmicos ou de ficção. Use também este tópico para pedir sugestões de livros ou recomendar algo para a comunidade. Regra de ouro: respeite a opinião e o gosto alheio. TODOS os estilos de literatura são aceitos no tópico, se você não gosta não opine. ------------------------------------------------------------------------------------------ Pra iniciar, terminei semana passada o livro "1356" do Bernard Cornwell. Recomendo bastante o autor e em especial esse livro, pela capacidade dele de mesclar perfeitamente fatos históricos com ficção. Ele também faz um trabalho de pesquisa muito grande sobres os temas e costuma inserir ao final do livro algumas páginas de notas históricas explicando para o leitor o que era fato histórico e o que era ficção. Gostaria de pedir recomendações de leitura. Pensei em ler alguma coisa do Tom Clancy mas não sei por qual livro me aventurar. Eu tenho aqui o "Tempestade Vermelha" mas não sei se é o melhor pra iniciar no autor. Lembro que tinha alguém aqui que curtia ele, se puder me dar uma dica...
  8. Foi achada uma pirâmide em Marte. http://oglobo.globo.com/blogs/pagenotfound/posts/2015/06/23/piramide-em-marte-568514.asp?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=O%20Globo
  9. bahgirl

    Dia Mundial do Gato

    Uma homenagem especial para o nosso amigo @LOP hihi ^^ Já que é o dia deles, vou deixar umas imagens especiais pra quem curte esse bichano, ainda mais quando são todos pequeninos Pronto! Feliz dia do Gato!
  10. Tiolazo

    Chat VGBR?

    Ola, se existe desconsiderem lol. Mas lembro que na época do MSN tinhamos um grupo por lá, eu alias até participava mais lá do que aqui no forum. Agora com a morte do MSN, somente Egamer ainda TC pelo hotmail, porem o restante da humanidade usa Facebook ou Whatsapp. A ideia é fazer um para o forum, qual acham melhor?
  11. E abaixo a imagem bônus. Aviso: é de conteúdo extremamente adulto! Clique por sua conta e risco. Tenham um excelente final de semana. E lembre-se: você é da mesma espécie deles, e ainda é orgulhoso por causa disso.
  12. Yamato

    VGBR Awards 2013 - Votação Final

    Pessoal, o tópico de Indicações ficou aberto por um longo tempo e lá os usuários puderam indicar os seus favoritos para cada categoria. Alguns votaram uma vez, outros votaram de maneira geral (por exemplo: FGA, equipe VGBR) e eu tive que contar os votos dessa maneira. Infelizmente não pude contar todos os votos quando um usuário fazia mais de 3 indicações, como estava nas regras, considerei somente as três primeiras. Empate na terceira colocação com mais de um voto, considerei todos. Então, até o final do ano essa será a enquete final! Até o dia 31/12/2013 às 23:59 59' Votem nas enquetes, chapas. E obrigado pela participação! @LOP , pode fixar esse e desfixar o outro.
  13. zeromil

    : Feliz Aniversário, LOP! :

    Tudo de bom! Muitos anos de vida! E traz um Wii U pra mim! \o/
  14. _SHINOBI_

    "Castração química a este povo incauto!"

    Bonus: Com licença que preciso limpar a torrente de chorume que vazou do monitor... http://medicosdobrasil.tumblr.com/
  15. hauhauhau ele arregou porque tinha que criar um musica. falo mermo!
  16. bahgirl

    Sobre o Japão - Parte 7

    Rabecão ou carro fúnebre todo mundo sabe que e o veículo para transportar mortos. O carro fúnebre representa um negócio importante em alguns países, existindo montadoras especializadas em adaptar veículos para as funções do carro fúnebre ou mesmo locadoras deste tipo de veículo, como este da foto, todo estiloso. Tirei essa foto de dentro do carro porque nunca vi um rabecão parado em algum lugar. No Japão, é comum cremarem os corpos, alguns enterram no próprio jardim de casa ou guardam as cinzas, até porque o país é muito pequeno para comportar muitos túmulos. Mas há sim cemitérios, a diferença é que eles são pequenos e em maior quantidade. Assim, não tem um cemitério do tamanho da Consolação ou do Araçá, tem vários cemitérios pequenos espalhados pelas cidades.
  17. bahgirl

    Sobre o Japão - Parte 6

    Já que estamos em clima de final de Carnaval, coma muita fruta! rs E que tal uma melancia? É pra qualquer Quico morrer de inveja dessa melancia... quadrada! Nos idos de 2005, esta "preciosidade" custava 40 doletas nesta loja que eu fui, em Nagoya. Para saber um pouco mais sobre o produto, clique aqui. Segundo o site, até no Brasil já estão fabricando, mas só para exportação.
  18. Mister N

    DESABAFO DE RICARDO SILVA RICA GAMES

    FALANDO MAL DE YOUTUBE VITIMADO SUCESSO, NEGO SÓ QUER PS3 RODELA HAHA NEGO ADICIONANDO ELE NA LIVE, FB, YOUTUBE, ETC FALANDO MAL DE FPS HAHAHA TÁ PUTO QUERENDO DINHEIRO RECLAMOU DE MULHER DE TRABALHO MITO DEMAIS HAHAHA. VAMOS FAZER UM KICKSTARTER PRO RICARDO SILVA RICA GAMES SHOW HAHAHA VAI SAIR DO YOUTUBE PELA 4824829489 VEZ Mister N (GÊNIO)
  19. bahgirl

    Formigueiro

    Justiça com as próprias mãos... ou seria com as formigas? rs
  20. bahgirl

    Sobre o Japão - Parte 4

    O Japão sem dúvida é o país onde mais tem vending machines do mundo. É praticamente 1 máquina para cada 23 habitantes (fonte: Google). O que faz este país ter muitas máquinas é o alto índice de consumo e também baixa, quase zero, taxa de vandalismo. É possível encontrar em qualquer esquina uma máquina, mesmo velha ou desgastada pelo tempo, ainda em perfeito funcionamento. E o sucesso desse tipo de ponto de venda, faz com que quase todas as coisas possíveis possam ser adquiridas através delas. Abaixo, alguns exemplos de máquinas que eu achei interessante durante a minha estadia. As máquinas mais comuns são as de bebidas, que podem ser escolhidas quentes ou geladas, dependendo da estação do ano. Cigarros: os japoneses podem não estar à frente de muitos países em quesito cigarro, mas acho que eles não ficam muito atrás de muitos outros. Em praticamente todos o lugares você pode fumar, inclusive em restaurantes, que possuem lugar especial. Nas grandes cidades já estão sendo criados lugares específicos para fumantes. Para utilizar essa máquina, você precisa de uma carteirinha especial, que comprova que você tem mais de 21 anos (que é a maioridade por lá). Esta medida foi implantada para evitar que crianças comprassem cigarros para os pais e, na curiosidade, experimentavam muito novos. Ser fumante não significa que você precisa ser porco. Quase todos os fumantes apagam seus cigarros em cinzeiros ou carregam consigo um cinzeiro portátil. Na capital, Tokyo, se você fumar em lugar proibido você leva multa, bem como apagar o cigarro no chão. E leva mesmo! Bebidas: o mesmo esquema de carteirinha especial para cigarros vale para bebidas alcóolicas. Os japoneses são bastante intolerantes à bebida + direção. Tanto é que os donos dos restaurantes perguntam para a pessoa que pede a bebida se ele está dirigindo ou quem vai dirigir. Se ele estiver sozinho, eles chamam um táxi, dependendo do estabelecimento eles mesmos têm seus próprios motoristas. No caso, dois para cada "bêbado", porque um leva o carro do "bebum" e o outro leva o carro reserva do restaurante. Todo mundo fica feliz! E um detalhe: japonês bebe até cair, MESMO! E no dia seguinte no trabalho é indelicado mencionar que aquele seu colega subiu na mesa só de cueca! rs Cafés: japoneses consomem muito chá, talvez não tanto quanto os ingleses, mas também consomem muito café. Essa é uma máquina atípica de café, ou seja, não tem em qualquer lugar. Essa foto eu tirei numa das paradas de estrada (paradas de estrada tipo Frango Assado ou Graal). O lado esquerdo que está em azul são os cafés gelados. Sim, você leu certo. Cada botão é um tipo de café: descafeinado, com mais grãos, moídos, torrados, cappuccino e por aí vai. Do lado direito, em vermelho, são os cafés quentes. Tem chocolate aí no meio, mas basicamente todos são compostos de café. O mais interessante dessa máquina: há uma tela no centro da máquina, onde você vê (literalmente) seu café sendo feito dentro da máquina. Arroz: talvez essa seja a máquina mais inusitada que eu encontrei no Japão, a máquina que vende arroz (gohan). E não é aquele pacotinho individual não. É aquele saco imenso de arroz de 10 kg! aauahuaha Imagina você com a sua bicicleta indo comprar um pacote de arroz de 10 kg? Como colocar na bicicleta? rs Claro, o Japão tem uma infinidade de outras máquinas, de todos os tipos e para todos os gostos, mas essas eu achei que valiam mencionar. O pior de tudo é que isso deveria ser interessante e praticável, mas no nosso querido Bananão (vulgo Brasil), fica um pouco complicado, já que uma máquina dessas só teria sucesso dentro de um shopping ou loja de conveniência e, mesmo assim, arriscado a ser roubado ou depredado.
  21. bahgirl

    Na hora certa...

    Desculpe se alguém já postou esse link, mas achei super interessante esses momentos registrados. http://awebic.com/humor/fotos-tiradas-na-hora-certa/
  22. bahgirl

    Sobre o Japão - Parte 3

    Hoje vou falar um pouco das estradas e a direção no Japão. Os japoneses dirigem na mesma mão inglesa, ou seja, direção à direita. Segundo lendas, a direção na direita no Japão foi quase como a história da Inglaterra: "Até o final dos anos 1700 (século XVIII), todos viajavam no lado esquerdo da estrada (assim como hoje no Reino Unido) porque era a opção sensata em épocas medievais, onde na maioria das sociedades a violência era necessária, sendo comuns duelos inesperados durante qualquer viagem. Cavaleiros medievais geralmente eram destros e para proteger suas espadas quando não estavam em lutas, sempre mantinham-se a esquerda cruzar com outras pessoas no caminho. Ao lutar, a maioria empunhava a espada com a mão direita, o que exigia estar ao lado esquerdo da rua." No caso do Japão era por causa das espadas dos samurais porque a maioria era destro, outros dizem que o Japão foi convencido a dirigir pela esquerda após a visita de um ministro inglês, em 1859. Enfim, foi um processo burocrático pra eu tirar a minha habilitação, mas ainda sim não foi pior porque usei a minha do Brasil para fazer transferência (você pode usar a habilitação brasileira e tb a internacional desde que passe na prova, já pra tirar do zero, leva muito mais tempo e dedicação nos estudos). Eu precisava prestar a prova teórica (que fiz em português que é basicamente traduzida do Google rs), logo em seguida um exame rápido da vista e a prova prática, tudo em um final de semana. Tive que fazer algumas aulas para aprender a dirigir na mão contrária e não tive dificuldades (modéstia à parte eu sou uma ótima motorista e até drifting nas serras de Gunma eu já fiz, tá? rs). Passei de primeira. Um adendo: infração de trânsito é gravíssimo na ilhota, você pode ser condenado severamente. Se você mata alguém que é provedor de uma família, por ex, você pode ser condenado a pagar pensão vitalícia para a família. Já vi casos assim acontecer. Então, bebida e direção é uma péssima ideia, bem como alta velocidade! Achava até que ia esquecer de como dirigir quando voltasse para o Brasil. Mas dirigir é como andar de bicicleta pra mim: não importa onde eu esteja, quando sentar no banco do motorista, consigo ter segurança em qualquer pista. No Japão, as kosokus (estradas), também chamadas de EXPWY (do inglês, Express Way) são exclusivamente para carros, caminhões e carros de grande porte. É proibido o uso de bicicletas e também motos tipo vespa devido à falta de segurança em veículos "lentos". Nas estradas as placas são escritas em kanji (ideograma) e também em romaji (ocidental) para que os motoristas possam entender Ficou na história: primeira vez que eu vi um racha de Ferraris na estrada. Muito comum nas nessas estradas, já vi de Bentleys também ^^. Quando pensei em tirar outra foto, elas já tinham desaparecido. A foto não ficou boa, mas é uma das curvas da cidade de Gunma, de onde surgiu a história da famosa série Initial-D e o meu ex-carrinho ali no cantinho à direita rs.
  23. bahgirl

    Sobre o Japão - Parte 2

    Teru Teru Bozu (em japonês: てるてる坊主, significa "brilha, brilha meu amiguinho") são bonecos feitos de papel ou pano feitos à mão. Os fazendeiros do Japão começaram a prendê-los na janela como amuleto. O amuleto supostamente tem poderes mágicos para trazer bom tempo e prevenir ou parar os dias de chuva. Eles ficaram populares durante o Período Edo pelas camadas urbanas, em que as crianças faziam no dia anterior do dia em que queriam um bom tempo. Hoje em dia, as crianças fazem teru teru bozo com papel para não chover nos dias de excursão escolar ou de piquenique. Pendurá-lo de cabeça para baixo significa que estão pedindo chuva. É muito comum encontrá-los em cidades menores, de interior do que nas capitais. Existe uma famosa cantiga de roda japonesa associada ao teru teru bozu: "Teru-teru-bozu, teru bozu Faça amanhã um dia ensolarado Como o céu de um sonho que tive Se estiver sol eu te darei um sino dourado Teru-teru-bozu, teru bozu Faça amanhã um dia ensolarado Se meu sonho se tornar realidade Nós beberemos muitos vinhos doces feitos de arroz Teru-teru-bozu, teru bozu Faça amanhã um dia ensolarado Mas se chover você estará chorando Então eu cortarei a sua cabeça com a tesoura" Macabro, né? rs Como muitas outras cantigas de roda, essa música tem uma história mais sombria de como ela apareceu. Geralmente é associada com a história de um monge que prometeu aos fazendeiros parar a chuva e trazer tempo ensolarado em um tempo em que a chuva estava destruindo a plantação de arroz. Quando o monge não conseguiu trazer o dia ensolarado, foi executado. Vários historiadores japoneses discordam com essa versão da história. Provavelmente "bozu" é o nome que se refere não aos monges budistas atuais, mas os que tinham a cabeça raspada (como a do boneco), e "teru teru" é uma brincadeira em relação ao brilho do sol na cabeça raspada deles. Vai saber a verdade...
×