ArtigosNotícias

Impressões do Beta de Diablo III – Reaper of Souls

Nas últimas semana foi lançado o beta fechado da primeira expansão de Diablo III – Reaper of Souls, e com ela, também foi liberado o RTP (Reino de Testes Público) do patch 2.0.1.

Tivemos acesso ao Beta e trazemos aqui as primeiras impressões e mudanças que notamos:

Clãs/Comunidades: Foi implantado um novo sistema de clãs e comunidades, onde o jogador poderá receber notícias e novidades do grupo, porém nenhuma função adicional ainda foi anunciada.

Baús amaldiçoados: Este evento pode aparecer tanto no modo campanha quanto no modo aventura, porém alguns eventos são exclusivos do modo aventura. Os baús oferecem desafios como eventos cronometrados, ondas infinitas de monstros e a possibilidade de surgirem monstros do mundo aberto.

cruzado

Itemização (Saque 2.0): Uma das maiores reclamações dos jogadores era a dificuldade em dropar itens que realmente fossem “usáveis” durante o jogo, mesmo lendários. Isso os tornava muito dependentes da AH (casa de leilões). O saque 2.0 veio para resolver este problema. As principais alterações foram a possibilidade do saque inteligente, onde a arma vem com os atributos perfeitos para o personagem, a diminuição da faixa de rolagem dos atributos (ex: 1-200 passou para 140 -200), adição de novos atributos e a melhoria em todos os lendários, que não tem mais seu nível fixo (agora todos os lendários podem ser dropados com o nível do seu personagem). É importante lembrar que não contaremos mais com a casa de leilão na expansão, conforme anunciado anteriormente a casa de leilões de ouro e de dinheiro real serão fechadas permanentemente no dia 18/03/2014.

Sistema de excelência (Paragon 2.0): Agora o nível paragon é partilhado por todos os personagens, não há mais limite para o nível paragon e é o jogador que faz a distribuição dos pontos em quatro categorias diferentes: Básica, ofensiva, defensiva e utilidade.

Alterações nos monstros: Foram adicionados aos monstros elites e campões os novos afixos: Pulso gélido, Orbitante, Encantado por Veneno, Trovejante e Tunelamento. Obviamente também foram adicionados novos monstros.

monstro2

Todas as alterações mencionadas acima serão aplicadas tanto para expansão Reapers of Souls quanto para o patch 2.0.1

Limite de nível: O limite de nível foi aumentado do 60 para 70.

Alterações nos níveis de dificuldade: Os níveis de dificuldade foram alterados de Normal, Pesadelo, Tormento e Inferno para Normal, Difícil, Especialista, Mestre (desbloqueado no nível 60) e Suplício (desbloqueado no nível 70). O nível Suplício traz 6 níveis diferentes de dificuldade, semelhante ao antigo MP (Poder de Monstro)

Alterações nas classes: Todas as classes passaram por atualizações significativas nas skills, sendo as principais delas a opção de se adicionar uma passiva a mais ao chegar no nível 70 (aumentou de 3 para 4) e a inclusão de novas skills a partir do level 60.

Novo ato: O ato V trouxe de volta o clima sombrio de Diablo para a franquia. Muito bem trabalhado o novo ato inclui lugares como hespéria, o charco de sangue e as fortalezas perdidas de Pandemônio.

atov3

Nova classe: A nova classe da expansão será o Cruzado. Aqueles que jogaram o Diablo II, certamente irão se lembrar do Paladino. Muitas das skills da classe de Diablo II foram incorporadas neste novo personagem. O uso do escudo é praticamente obrigatório. O atributo principal da classe é a força, e desta forma agora temos duas classes para cada atributo principal. Cruzado e Bárbaro de Força, Monge e Caçador de Demônios de Destreza, e Feiticeiro e Arcanista de Inteligência.

Modo aventura: Além do modo clássico de jogo, o modo campanha, agora temos o modo aventura, que permite ao jogador explorar livremente todos os atos. Além disso o modo aventura trás dois novos eventos: As caçadas e as fendas nefalém.

Caçadas: As caçadas são objetivos aleatórios dentro do modo aventura que incluem matar um monstro único, matar um chefe, matar todos inimigos de uma masmorra ou completar um evento. Ao se completar uma caçada os jogadores receberão uma nova moeda chamada estilhaço sangrento. Ao se completar todas as caçadas de um ato os jogadores receberão uma caixa maior dos horadrim, cheia de tesouros. Também se receberá uma pedra angular de fenda, que dá acesso as fendas nefalém.

Fendas Nefalém: As fendas nefalém são masmorras aleatórias de jogo rápido. Hoje as fendas são o end game do jogo, onde os jogadores irão jogar “infinitamente” atrás de itens melhores e busco por experiência. Para se acessar uma fenda nefalém o jogador deverá levar um pedra angular de fenda a qualquer cidade e clicar no obelisco nefalém.

fendanefalem

Estilhaços Sangrentos: Esta nova moeda podem ser trocados com os novos comerciantes Lorath e Kadala, por itens aleatórios ou matérias-primas.

Mística: A nova artesã da expansão pode alterar as propriedades de um item e até sua aparência. O encantamento é muito útil quando você dropa aquele item quase perfeito, que ficou somente com um atributo indesejável. Basta fazer uma nova rolagem do atributo até conseguir o que deseja. A mística também permite que seja feita transmogrificação de um item, alterando sua aparência viual, criando assim infinitas possibilidades de personalização.

Ainda é cedo para darmos um parecer final sobre Reapers of Souls, porém a Blizzard parece estar atenta ao que os jogadores vem pedindo. Muitas coisas foram melhoradas, muitas implementadas, porém ainda há muito a ser feito. A expansão já tem data marcada para ser lançada, 25/03/2014, e já está em pré-venda.

Continuarei acompanhando as novidades de Diablo III e caso queiram jogar juntos, adicionem minha battletag: breviglieri#1408.

Marcos Breviglieri

Comentários(4)

  1. Avatar

    Criei um vídeo Análise (da situação) de Diablo 3 Reaper of Souls sobre o preço e afins, confira caso queira lá você encontra também um Cinematic oficial dublado
    http://www.youtube.com/watch?v=wViWMyFY5DE

    Se gostar favor curtir =)

    • Marcos Breviglieri

      Bom, eu discordo de você em muitos pontos. Em primeiro lugar, inaLterados se escreve com L. Em segundo lugar, o preço é justo, o mesmo que foi cobrado pela expansão do SC2. Fora a nova classe e o novo ato, temos a mística, o modo aventura, os baús da morte, as novas máquinas infernais (que não citei na matéria, mas farei um especial sobre este novo evento), os novos modo de dificuldade, novas skills, novos itens. Enfim, canso de ver comentários como os seus no fórum D#, e pra mim não passa de mimimi. A retirada da AH e RMAH foi um erro, graças a ela consegui montar um personagem bom e fazer algum dinheiro, aliás, já comprei minha versão deluxe da expansão sem tirar um real do bolso, só com saldo battle.net.

      • Avatar

        É… ser coruja na madruga deixa seus “erros grosseiros” hahah, mas como você deixa claro que amava a RMAH e acha R$80,00 um preço justo para uma expansão minima, vou apenas balançar a cabeça em sinal positivo e respeitar seu “achismo”

  2. […] of Souls será lançado em 25 de Março de 2014. Não deixe de conferir nosso preview completo do game aqui na […]

Comentários