AnálisesNotícias

Análise – Saints Row IV: Gat Out of Hell

7
Saints Row no Inferno
Gat Out Of Hell poderia entregar mais com a temática do Inferno, mas ainda assim é uma ótima adição ao universo de Saints Row e proporciona o caos desequilibrado da série em um novo território e por um preço justo.

Saints Row IV Reelected trás a experiência completa de Saints Row IV da geração passada, com o bônus de um passeio pelo inferno com a expansão Gat Out of Hell.

Concebida inicialmente na geração passada como uma opção aos jogos da série GTA para o Xbox 360 e PlayStation 3, Saints Row se consagrou simplesmente por não se levar a sério. Exemplos do quão escrachado é esse jogo não faltam: A arma dubstep ou o penetrator reenforçam a ideia, mas o simples fato de que você joga com um gangster que virou presidente dos Estados Unidos provam que o jogo é simplesmente uma zona em todos os aspectos.

O relançamento remasterizado de Saints Row IV: Reelected para o Xbox One e PS4, trás o jogo original, com seus inúmeros pacotes DLC, bem como a nova expansão stand-alone Gat Out of Hell, que continua a história com o personagem Johnny Gat em uma jornada ao inferno para lutar contra nada mais nada menos que o cramunhão.

História

Quando o jogo começa, The Boss é raptado pelo próprio Satanás para um casamento arranjado para sua filha, Jezebel. Sem pensar duas vezes, Johnny e Kinzie saltam através de um portal de entrada para o Inferno para salvar o líder dos Saints.

saints row gat out of hell (6)

Enquanto a premissa é espetacular, a execução dessa releitura pode desapontar um pouco, pois o inferno de Gat Out of Hell é basicamente uma remodelagem menor de Steelport, cidade original de Saints Row IV, com assets próprios, como zumbis no lugar de pedestres e demônios no lugar dos policiais.

Isso não quer dizer que Saints Row IV: Gat Out of Hell, não é divertido. Muito pelo contrário: qualquer jogo que faz com que você detone demônios, voando pelos bairros do inferno ao som de Haddaway: What Is Love, é um jogo de humor acima da média.

[tube]https://www.youtube.com/watch?v=bTgcmwRkLrU[/tube]

O que é entregue é competente, mas existe tanto potencial para explorar o cenário do inferno, que é difícil desvencilhar-se da ideia de que sobrou espaço para introduzir mais elementos da temática, ainda mais com uma série tão permissiva como Saints Row.

O jogo roda em 1080p e 30 quadros no PlayStation 4, versão de testes desse review, o que também é algo que desaponta, uma vez que as plataformas atuais poderiam claramente empurrar o título aos 60 quadros por segundo, melhorando a fluência da jogabilidade. Por outro lado, a quantidade monstruosa de opções de customização, seja de personagens, veículos ou armas e os colecionáveis, vão prender você que decoram os telhados de Steelport evitar a tendência recente de adicionar enchimento redundante e em vez disso são utilizadas para atualizar quadrinhos de super-movimentos livro-esque do jogo.

saints row gat out of hell (3)

Jogabilidade

A melhor novidade de Gat Out of Hell, é sem dúvida a nova habilidade de vôo, ativada com suas asas de anjo. Essa mecânica acrescenta uma nova dimensão para a jogabilidade e quando evoluída ao máximo permitirá uma sensação de domínio sobre o mundo do jogo. Isso se deve ao fato de que a habilidade de voo com as asas é simplesmente mais intuitiva e mais perdoável com erros do que a de Saints Row IV, o que vai fazer com ir pra qualquer distrito do Inferno deixa de ser um desafio quando você pode simplesmente voar para lá sem grandes dificuldades.

[tube]https://www.youtube.com/watch?v=Iv3j-4iRVcY[/tube]

Outras inclusões bem vindas no gameplay são as novas habilidades especiais ativadas no d-pad. Gat conta com poder de uma onda de choque, habilidade de invocar monstros em seu auxílio, drenar a vida de seus inimigos entre outros.

Por 19 dólares, Gat Out Of Hell é uma ótima adição ao universo de Saints Row e proporciona o caos desequilibrado da série em um novo território. No final, fica a sensação de que poderia ter entregue mais com o terreno fértil de ideias que é o cenário do Inferno e a luta contra Satanás, mas ainda assim é um ótimo jogo e fãs da franquia vão adorar essa reviravolta no mundo dos Saints.

Átila Graef

Comentários