Análises

Análise – Battlefield Hardline

7.5
Melhor campanha da série
Com a melhor campanha já vista na série e um multiplayer cheio de novos modos além de uma progressão de personagem mais rápida e encorajadora, este é certamente o refresco que os fãs pediram.

Battlefield: Hardline é desenvolvido pela Visceral Games e sai do tradicional escopo da série que se foca em grandes guerras – desta vez as mesmas funcionam no cenário urbano, e as conspirações militares dão espaço a corrupção, cartéis de drogas e como muitos esperam: tiroteios de sobra!

Se por um lado o batido tema de polícia e ladrão estampa o novo episódio, é importantíssimo ressaltar a importância do estúdio que certamente sabe conduzir uma narrativa de forma única, já que estamos diante dos mesmos caras por trás de Dead Space – um sucesso que já se estendeu por 4 títulos.

Definitivamente se tem algo que podemos adiantar antes de detalhar nossa viagem por Miami é: esqueça os deslizes do Beta. Indiscutivelmente muitos jogadores não tiveram uma experiência desejada com o período de testes – que felizmente serviu como base para mudanças, já que a comunidade detalhou vários pontos que foram com êxito modificados resultando em um trabalho muito competente, e que iremos discorrer abaixo!

A versão testada foi a de Playstation 4, e o título flui muito bem por aqui – sem quedas de frames ou problemas técnicos -, e já que esse é o momento para discutirmos sobre o que Hardline proporciona de diferente se comparado a outros games numerados da série, vamos ao modo que geralmente nunca é o grande foco dos jogadores: a campanha!

battlefield hardline (2)

HISTÓRIA

Sabemos que este não é o modo preferido dos fãs da franquia, mas neste título a narrativa acaba sendo contada de outra forma – mais se parecendo como um seriado policial dos EUA. Até mesmo as marcantes retrospectiva ao maior estilo “Nos episódios anteriores” é apresentada quando voltamos a jogar.

Em parte da história, temos o que já esperávamos: a velha trama do policial honesto (que aqui é vivido por Nick Mendonza) que não aceita nenhum grau de corrupção e precisa lidar com o narcotráfico ao mesmo tempo que percebe o quão sujo são os próprios colegas de trabalho. Nick é cubano, e vai para Miami a procura de uma vida melhor – e a polícia é a sua porta de entrada para isso.

Aqui notamos o quão bem trabalho e bem divido são os capítulos: ao decorrer de 11 capítulos, o enredo consegue emplacar incrivelmente – e se diferenciar de tudo o que já vimos na franquia, ponto mais do que positivo novamente para o estúdio, que conseguiu criar uma fórmula única, transformando um mero spin-off em um conjunto de arcos até mais impactante e divertido que os da série principal.

[tube]https://www.youtube.com/watch?v=WGmIDazox-c[/tube]

 Tudo aqui é muito bem trabalho e distribuído, trazendo personagens carismáticos e dramas – mais uma vez, dignos de um seriado ao maior estilo CSI. É claro, com um belo controle do lado!

O game está totalmente localizado em PT-BR com dublagens competentes, porém.. é inevitável não citarmos um deslize que, embora não tire o brilho da aventura – poderia ter sido melhor trabalhado.

Portanto sim – estamos falando sobre a escalação do cantor Roger, do Ultraje a Rigor que infelizmente não conseguiu combinar tão bem com Nick, trazendo uma voz que em muitos casos não traz a expressividade necessária para o momento, porém, que tem seus méritos de toda forma!

battlefield hardline (19)

MULTIPLAYER

Como comentamos acima, quando testamos o beta disponibilizado não conseguimos realmente ter aquele gosto de evoluir o seu personagem, desbloqueando todos os itens e armas possíveis, mas agora tivemos a oportunidade de testar o nível de progressão com plenitude e até os novos modos de jogo!

Ainda temos presente o famoso mata-mata (deathmatch), mas desta vez a dimensão é completamente “next-gen” – resultando em salas de até 64 jogadores (32×32) inserindo você em meio a algo insano e divertidíssimo! Ótimo modo pra melhorar a quantidade de “kills” para suas armas e quase um dos modos mais jogados.

Hardline possui servidores dedicados, portanto a estabilidade é maior e os problemas técnicos são menores (infelizmente sem servidores localizados para América do Sul até o momento), de toda forma a diversão é totalmente garantida.

[tube]https://www.youtube.com/watch?v=DR4KG5Vqq_8[/tube]

Você também encontra outro famoso modo de jogo intitulado Conquest. Ele está dividido em 2, um pequeno e o maior, com mais pontos a conquistar. Nele você nasce em um ponto pré-estabelecido – e não acabar morto por uma bala perdida como acontece no mata-mata -, no Conquest temos uma pegada mais estratégica, conquistando áreas com sua equipe e planejando disparos estudados com o auxílio do bullet drop.

Agora vamos aos inéditos na franquia, começando por “Blood Money”: aqui ambas as facções precisam recuperar o dinheiro de uma caixa aberta em um determinado lugar no mapa, levando-o para seu respectivo cofre. O destaque fica por conta da perseguição e tiroteio ao longo de cada partida, que evolui em um tom progressivo envolvendo muita adrenalina e tensão até a conclusão do objetivo.

Já no modo Rescue, existem 2 reféns no mapa e o papel dos policiais é protegê-los enquanto os bandidos tem o papel de sequestrá-los. Aqui não temos respawn, portanto caso você seja abatido terá de esperar até o próximo round.

battlefield hardline (15)

O Hotwire Mode se assemelha muito ao já conhecido modo Rush de Battlefield: Bad Company 2, e aqui o jogador deve essencialmente perseguir ladrões (ou ladrões fugirem dos policiais) em alta velocidade por cenários enormes!

Com 9 mapas lançados, a previsão é de que tenhamos ainda mais cenários, armas e histórias através das DLCs – aumentando a vida útil do título ainda mais, e que particularmente estamos muito ansiosos para testar!

Vale a pena?

Se você é fã de shooters em primeira pessoa e é apaixonado pela franquia Battlefield, Hardline é indispensável para você! Com a melhor campanha já vista na série e um multiplayer cheio de novos modos além de uma progressão de personagem mais rápida e encorajadora, este é certamente o refresco que os fãs pediram.

Análise por nossos parceiros do Internerdz

Maurício Chiotti
Últimos posts por Maurício Chiotti (exibir todos)

Comentários