Notícias

Nossas impressões de Marvel vs Capcom: Infinite

A convite da Capcom Unity Brasil, a equipe do vgBR.com teve a oportunidade de testar uma build preliminar de Marvel vs Capcom Infinite. Por quase 5 horas, colocamos as mãos no fighting game que volta às origens da série VS. mas oferece grandes novidades no elenco e na jogabilidade.

Procurei isolar os detalhes em tópicos rápidos para facilitar as informações pra quem está procurando algo do título.

Easy moves??? Nope!

Marvel vs Capcom Infinite não tem um sistema que facilita a realização de todos os movimentos do game, como foi propagado pela internet após a postagem do user Ryce nos fóruns da NeoGaf.

O que realmente aconteceu é que certos movimentos, como o Stars & Stripes (Captain America) e Shadow Blade (Morrigan), tiveram seus comandos modificados do clássico + para  + e não o geral. O Shoryuken de Ryu e até um novo momento de Iron-man (no melhor estilo rekka), continuam com o bom e velho +.

O launcher agora tem uma comando universal: +.

Foi modificada também aquela sequência de botões pressionados para construção de um chain combo manual. Agora o jogador tem que realizar o caminho >>> (+ caso queira continuar o chain com um launcher).

2 vs 2 >>> 3 vs 3

Diga adeus ao sistema de 3vs 3 implementado pela Capcom em Marvel vs Capcom 2: New Age of Heroes. Aproveite e continue dando tchau para o sistema de “Partners“.

Sim, voltamos aos tempos ter Xmen vs Street Fighter e Marvel Super Heroes vs Street Fighter, com o retorno do bom e velho 2 vs 2. Isto limpou aquela confusão de personagens pulando ou saindo alucinadamente da batalha, deixando o foco naqueles personagens envolvidos na disputa.

Agora a troca (denominada aqui de Active Switch) acontece de uma forma bem interessante, abrindo possibilidades de uma extensão do combo e até a salvação ou ruína (dependendo do timing desta entrada) de seu personagem na luta. O 2º personagem entra na luta com uma pequena janela de invencibilidade (repare na aura ao redor do personagem no exato momento de sua aparição) e total liberdade no controle.

Imagine a situação:

Você está com o Ryu e realiza um Shinkuu Hadouken. No instante da animação que demonstra a movimentação em zoom do personagem, aperte o Active Switch e a mágica acontecerá: Ryu iniciará o hyper combo e seu personagem adicional irá entrar na batalha, livre para correr em direção ao adversário para iniciar um combo ou proteger seu parceiro.

As possibilidades…são infinitas!

Auto Combo

Há um sistema de combos rápidos denominado “Auto Combo“, bem ao estilo do Rush Combo utilizado pela SNK em The King of Fighters XIV. Basta uma sequência de hits no botão de soco fraco que o combo será desencadeado até o momento do launcher.

O dano causado pelo “Auto Combo” nunca é absurdo, sendo mais uma forma de você iniciar as sequências maiores.

Easy Hyper Combo

Outro ponto oferecido é o “Easy Hyper Combo“, que pode ser aplicado com + ao mesmo tempo.

Jóias do Infinito

Utilizadas em Marvel Super Heroes, as Jóias do Infinito (que tem papel CRUCIAL no Marvel Cinematic Universe) retornam ao centro da batalha. Na build onde realizamos o teste, estavam liberadas a utilização de 3 joias:

  • Power
  • Time
  • Space

A diferença em Marvel vs Capcom Infinite começa pela escolha de qual jóia você irá utilizar, logo após a definição da sua dupla, ao contrário do sistema praticado em Marvel Super Heroes. A utilização acontece de 2 formas diferenciadas e bem parecidas com a V-Skill e o V-Trigger de Street Fighter V.

Com L1 você utiliza (de forma ilimitada) uma skill especifica para cada jóia e com L1 + R1, você ativa o poder máximo da jóia do infinito (Tempestade do Infinito). Tal liberação de poder acontece com o preenchimento de uma barra especial (e bem parecida com a Revenge Meter de Street Fighter IV), exclusiva das jóias. Quanto mais for utilizada naquela batalha, seu limite será expandido, acarretando no aumento de sua utilização na próxima “liberação” do poder.

Combo Breaker!!!

Erro uma sequência de golpes ou o timing do hyper combo e está sendo punido pelo adversário?

Em Marvel vs Capcom Infinite você terá a chance de escapar com o “Counter Switch“, um recurso parecido ao utilizado em Killer Instinct. Sua utilização (mantenha o botão de troca do personagem pressionado) consumirá 2 níveis da barra de hyper combo.

Resistência dos personagens

Seguindo aquele modelo implementado em Marvel vs Capcom 3, que continuou em Street Fighter V e recentemente em The King of Fighter XIV, os personagens de Marvel vs Capcom Infinite possuem níveis diferenciados de força e resistência. No teste, reparei que personagens como Chun-Li e Mega Man X perdiam rapidamente a energia, principalmente se o adversário fosse Hulk + agravante da jóia do poder ativada.

Deixo aqui meu agradecimento ao Fabio Santana (PR Manager da Capcom Unity Brasil)  e Dennys Michelassi (Community Manager da Capcom Unity Brasil) pelo convite e total esclarecimento da mecânica e dos planos para o lançamento deste aguardado título.

Fique ligado no vgBR para mais informações sobre a Capcom e Marvel vs Capcom: Infinite. Comente, curta e compartilhe com seus amigos e nas redes sociais!

Avatar

Comentários(2)

  1. Avatar

    Boa matéria, parabêns!!!

  2. Avatar

    importantes informações, valeu

Comentários