Análises

Super Mario 3D World + Bowser’s Fury

9
Super Mario 3D World é provavelmente o melhor Platformer 3D puro já feito

Ter a chance de revisitar Super Mario 3D World no Switch foi espetacular, mas a cereja que coroa o bolo com certeza é Bowser's Fury!

Quando Super Mario 3D World foi lançado em 2013 o game foi elogiado por seu excelente level design, jogabilidade precisa e coop caótico, mas infelizmente é um game que quase sempre é esquecido nas discussões sobre os melhores jogos da franquia.

Com este relançamento, a Nintendo traz o game para um público mais amplo e a chance de muitos poderem jogar essa maravilha dos jogos de plataforma 3D, que desta vez conta com o modo cooperativo online e também adiciona uma experiência totalmente nova com um o Bowser’s Fury, que usa a base de 3D em uma nova experiência de Mario 3D.

O jogo já é divertido sozinho, mas com a galera é demais!

O legado do Wii U

Super Mario 3D World tem quase 100 estágios lineares de câmera fixa esperam por você para correr, pular e explorar sozinho ou com até três amigos. Cada fase apresenta novidades inteligentes, como por exemplo níveis baseados em sincronizar seus saltos com a música em plataformas que desaparecem, ou outros que usam clones para abrir novas áreas ou até coisas mais clássicas que exigem precisam e habilidade nos pulos.

Todas as fases oferecem diversos segredos e desafios, incluindo selos colecionáveis ​​e estrelas verdes. Além disso temos os famosos power-ups como o Super Bell, que transforma Mario e cia em gatos, e adiciona habilidades úteis de escalada e um ataque corpo a corpo. Outros poderes como Super Leaf, Boomerang Flower e Fire Flower também oferecem aos jogadores diversas maneiras de enfrentar desafios de plataforma e combater os inimigos. Super Mario 3D World é um dos melhores jogos de Plataforma 3D disponíveis para compra, mesmo depois de quase 7 anos de seu lançamento oficial.

Dando uma mãozinha.

Não percebi grandes mudanças em Super Mario 3D World, então se você está procurando algo novo, este pacote também inclui um segundo jogo chamado Bowser’s Fury. Esta aventura adicional, que dura umas 4 horas, leva a jogabilidade e power-ups de SM3DW, mas coloca a câmera atrás de Mario, remove os estágios individuais lineares, transformando em um mapa aberto e com basicamente um sandbox de platforming, além de adicionar uma ameaça iminente conhecida como Fury Bowser.

A Fúria de Bowser

Ao invés de você jogar em um mundo central com seleção de fases, Bowser Fury se desenrola em um mapa 100% aberto, com ilhas distintas para você explorar. Essas áreas apresentam alguns dos playgrounds mais divertidos que já experimentei em qualquer um dos jogos de Mario e traz algumas sequências mais memoráveis ​​da franquia.

As possibilidades incluem um labirinto de tubos, uma subida em plataformas invisíveis e uma descida cheia de rampas e obstáculos onde você anda de patins de gelo e pega itens colecionáveis. Você também pode usar Bowser Jr., que é seu aliado neste jogo, para atacar inimigos e descobrir segredos escondidos pelo mundo.

A Cat Suit é um dos melhores poderes que já teve na série.

A estrutura de objetivos lembra o que vimos em jogos como Mario 64 e Odyssey, onde você vê o nome de missão e algumas pistas no cenário para buscar e ganhar um Cat Shine, o principal colecionável de Boswer’s Fury. Para progredir no jogo você precisa coletar uma quantidade específica de Cat Shines, o que vai acarretar em novas áreas, desafios e mais dificuldade na progressão.

O dino aquático Plessie também volta para amplificar a exploração do mapa e traz diversos desafios de natação e missões são emocionantes, que ficam ainda mais intensas Fury Bowser acorda.

Plessie dando um help.

Assim que começar a chover, será o primeiro sinal. Logo, a música se instensifica e Fury Bowser acorda para te perseguir pelo mapa por alguns minutos, ou até você conseguir um Cat Shine. Ele solta espinhos, bolas de fogo e te lança um sopro de fogo, que inclusive dá acesso a alguns segredos no mapa. Embora esses momentos trazem uma experiência emocionante, se acontecer na hora errada, também pode te frustrar e a acabar com seus planos.

Se você tiver Cat Shines o suficiente quando ele aparecer, vai poder entrar em uma batalha de chefe com um Mario Gato Gigante. Essas batalhas exigem que você evite os ataques do Fury Bowser e aproveite o momento certo para atacar. Essas lutas acabam se tornando meio repetitivas, pois o jogo só progride depois delas, mas não deixam de ser emocionantes e cada mais, mais desafiadoras.

Saca só esses efeitos visuais!

Como é esperado de jogos AAA da Nintendo, Mario 3D World e Bowser Fury são maravilhas tecnicas e artisticas, além de terem trilhas sonoras marcantes e espectaculares. O jogo bônus é ainda mais bonito que SM3DW e apresenta novidades que com certeza podemos esperar nos jogos futuros da série. Para quem se interessa ambos jogos rodam a 60 fps no modo docked, enquanto no portátil o Bowser Fury infelizmente fica travado em 30 quadros, o que não é um grande problema, mas a experiência é melhor na televisão.

Acabando com a fúria

Ter a chance de revisitar Super Mario 3D World no Switch foi espetacular, mas a cereja que coroa o bolo com certeza é Bowser Fury, que nos dá uma palhinha do que pode vir no futuro da série 3D de Mario. Se você não jogou SM3DW, recomendo fortemente que o façam.

Este é um jogo obrigatório para fãs do gênero e da franquia, que inclui um jogo bônus de luxo e oferece mais de 20 horas de diversão para quem quiser fazer tudo, e te garanto que neste jogo vale a pena limpar as fases.

Pros

  • Bowser Fury é espetacular e mostra o que podemos ver no futuro da série.
  • Super Mario 3D World é provavelmente o melhor Platformer 3D puro já feito.
  • Gráficos lindos e jogabilidade extremamente precisa e satisfatória.
  • Trilha sonora tanto de 3D World quanto de Bowser Fury são maravilhosas.

Contras

  • Preço muito alto no Brasil.
  • Bowser Fury podia ser vendido separadamente e mais barato.

Danilo Morim
Últimos posts por Danilo Morim (exibir todos)

Comment here