Jump to content
vgBR - Videogames Brasil

Search the Community

Showing results for tags 'Nintendo'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Jogos
    • Consoles, PCs e Jogos
  • Social
    • vgBR Café
  • Serviços
    • Classificados
  • Xbox One's Novidades Xbox
  • Jogatina Online's Jogos Online
  • Jogatina Online's Central de ID's

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 113 results

  1. https://twitter.com/NintendoSwitchC/status/1098667168026320896?s=20 Nintendo has just announced that Reggie Fils-Aime, the president of Nintendo of America, will be retiring. Reggie’s last day at the company will be taking place on April 15. Doug Bowser will be taking over Reggie’s role, and will become the new president for Nintendo of America. Bowser is currently working as senior VP of sales and marketing. Here’s the full announcement: Source: Nintendo PR
  2. vgBR Cody

    Pokemon: Let’s Go!

    Vixe Pokemon Switch ai, agora q dispara!
  3. Dermev

    Nintendo LABO

    Nintendo fará um anuncio hoje a noite: Mensagem no facebook oficial da nintendo: Sintonize aqui no facebook ou em youtube.com/nintendo às 2 h PT / 5 ET para descobrir uma nova experiência interativa para nintendo switch que é especialmente trabalhada para crianças e aqueles que são crianças-no-coração.
  4. Sim amiguinhos o Switch chegou a incrível marca de 15 milhões de unidades vendidas entre Marco e dezembro de 2017 segundo a matéria da USA Today segue o gráfico: Materia: https://www.usatoday.com/story/tech/talkingtech/2017/12/29/iphone-once-again-top-tech-best-selling-product-2017/987850001/
  5. Nintendo Switch Worldwide Sell-Through Surpasses 10 Million Units As of December 10th, worldwide life-to-date sell-through for Nintendo Switch, which launched on March 3, 2017, has surpassed 10 million units *.Nintendo Switch is a home console equipped with a variety of unique features. Users can instantly take it on the go and share the Joy-Con controllers with those around them, enabling them to play whenever, wherever and with whomever they want. Nintendo Switch offers a wider range of playstyle options and places where games can be played, and has been well-received by consumers all around the world.This December in Japan we are planning to ship more units than ever before so that even more consumers can purchase and enjoy Nintendo Switch. https://www.forbes.com/sites/davidewalt/2017/12/12/nintendo-says-switch-sales-top-10-million-promises-to-meet-holiday-demand/#74774b3b58ea
  6. Burusa EXCLUSIVA delicia vem ni mim!!!!! [UPDATE] Informações da Nintendo sobre o jogo: Source: Nintendo PR [UPDATE] Pre load, Pre venda e tamanho da delicia: As was mentioned in today’s Direct, Xenoblade Chronicles 2 can now be pre-loaded on the Switch eShop. Two options are live. You can either go with the base game or a digital bundle with the Expansion Pass. The two are priced at $60 and $90 respectively. Xenoblade Chronicles 2 will take up 13GB digitally. Source: Switch eShop [UPDATE] Site oficial aberto: http://xenobladechronicles2.nintendo.com/
  7. A revista TIME é uma das primeiras à publicar a lista anual com os 10 melhores jogos. Neste ano não foi diferente, e eles listaram em seu site os dez melhores jogos de 2017, com The Legend of Zelda: Breath of the Wild como jogo do ano, seguido por Super Mario Odyssey na segunda colocação. Confira o Top 10 da TIME abaixo: 10. Destiny 2 9. Horizon Zero Dawn 8. Mario + Rabbids : Kingdom Battle 7. PlayerUnknown’s Battlegrounds 6. Cuphead 5. Persona 5 4. Wolfenstein 2 : The New Colossus 3. What Remains of Edith Finch 2. Super Mario Odyssey ♛ 1. The Legend of Zelda : Breath of the Wild fonte: http://time.com/5030122/top-10-video-games-2017/ EHHHH GOTYYYY RS
  8. https://pt.wikipedia.org/wiki/Jogo_do_Ano Aqui, para saber quem foram os ganhadores de todos os ultimos anos A Nintendo não ganha a mais de 1 decada, porem , como previ, e errei por pouco , desde 2007, no Mario Galaxy , ela não concorre fortemente. Em 2007 ela perdeu por 47x45 de ter o jogo mais premiado. Sao 2 jogos inesqueciveis. Eu prefro SMG (10 para ele e 9 para Bioshock nesse ano) Os demais anos, mesmo com Zelda Tp, não chegou nem a ameacar ganhar, com diferencas tipo 111 (Red Dead) vs 19 (SMG2) Possivelmente esse ano, depois de 1 decada, ela deve ficar com os 2 jogos mais premiados no ano Curiosidades? Witcher 3 e o jogo mais premiado da historia com 257 premios. tendo concorrentes como Fallout 4 (58) e Bloodborne (31), alem de MGS V. Particularmente nao sei que tara tem por Fallout, acho uma piada ele conseguir sempre tantos premios. Em segundo lugar , The Last of US com 249 premios, mas com concorrentes de muito mais peso como GTA V (160)e Bioshock Infinite (43) pegando desde 2005 2005 RE4 2006 Elder scroll seguido de Gears 2007 Bioshock seguido de SMGalaxy 2008 Fallout 3 seguido a longa distancia de GTa 4/ MGS4 2009 Uncharted 2 disparado 2010 Red Dead seguido de perto de Mass Effect 2 2011 Skyrim disparado, sem chance 2012 Walking Dead seguido de Jorney e Farcry 3 2013 TLOUS disparado com GTA longe e Bioshock mais longe ainda 2014 Dragon Age disparado com Mordor distante e Mario kart comendo poeira 2015 Witcher 3 com Fallout 4 longe 2016 Uncahrted 4 seguido de perto de Overwatch 2017 ? Deve ser a dobradinha Zelda (em 1o) e Mario, com um Horizon ou Diviniy distante
  9. TechRadar was recently able to go hands-on with the new Switch version of L.A. Noire. The site reported on functionality that Nintendo’s system offers, gameplay tweaks, and more. Here’s a roundup of information: – Runs 1080p docked – 720p resolution in handheld mode – Game may have some pop-in during driving sequences – Interrogations have been streamlined – You now have three clear options to pick when responding to a suspect’s story – Good Cop: play along in a supportive manner – Bad Cop: get aggressive with your questioning – Accuse: accuse the suspect – These three options will now appear next to your suspect in large, noirish lettering – Can be played with a Pro Controller – You’re able to use the Switch’s touchscreen in handheld mode – Interact with crime scenes and clues, tapping on items to pick them up and moving them around with the drag of a finger – This touch functionality also makes it easier to interact with your notebook – Notebook has your clues, addresses and questions for suspects – A new simplified form of movement has also been introduced, allowing you to tap on your surrounding environment and have Cole walk towards it – By detaching the Joy-Con, you can use motion controls to aim and control the camera, rotate and inspect clues from various angles, and even put up your dukes and brawl – New unlockable outfits and two new cinematic camera angles, which allow the player to get a much wider view of a crime scene – Closer look with a tighter, over-the-shoulder viewpoint Source
  10. Ainda é cedo para avaliar o desempenho de FIFA 18 na plataforma Após o lançamento de FIFA 18 para o Nintendo Switch, a Electronic Arts não parece estar com muita pressa para produzir novos games para o console. Blake Jorgensen, chefe de finanças da EA, contou ao Wall Street Journalque a distribuidora pretende esperar o console completar um ano para definir se vai ou não lançar mais títulos na plataforma. De acordo com Jorgensen, ainda é cedo para fazer uma avaliação a respeito do desempenho de FIFA 18 no híbrido da Nintendo. Antes de se comprometer a produzir novos jogos, a EA quer "entender completamente qual é a demanda" do Switch. A versão de FIFA 18 para o Nintendo Switch foi lançada em setembro e não conta com todos os elementos das versões de outros consoles. Fonte IGN Brasil http://br.ign.com/nintendo-switch/55079/news/ea-nao-pretende-lancar-mais-games-para-nintendo-switch-tao-c Hauhauauhhaa mas é mesmo muito filhadaputa. Como eu havia dito anteriormente em um outro tópico ai, a EA não é santa mas a Nintendo também não é. Era obvio oque eles pretendiam com esse lançamento capado de FIFA no NS. A EA vai fazer de tudo que estiver ao seu alcance para fuder a Nintendo, que se não se mover para mudar isso, por exemplo dando a atenção devida as "ajudas" como a da Bethesda com Doom e Wolfenstein II vai sim correr um grande risco. Nintendo precisa sim das thirds e de parceiras fortes, esse papo de Nintendo para jogos Nintendo e que a EA e outras se fodam só serve para a gente que é fã e compra incondicionalmente e pelos jogos Nintendo meus amigos. E como diria Rhazo, acordem pois o mercado não é feito disso, e o Wii U mostrou bem que só fãs não movem a industria ou mantem uma empresa como a Nintendo com fracassos seguidos por ter os cofres cheios ou o kct a quatro. Nintendo precisa seguir com o esquema de grandes lançamentos como Zelda, agora Mario e continuar mandando paulada sem deixar folga, faz anuncio só com logo como Metroid Prime 4 e foda se. O publico quer é saber de anúncio, que uma hora o jogo vai sair, quando já é outra historia. E ir em cima das thirds atrás de exclusivos também, claro. O console está em um ótimo momento, mas a Nintendo não pode se dar ao luxo de esperar exclusivo cair no colo dela não, ela não é mais a bam bam bam do mercado faz tempo.
  11. Square Enix reported its financial results today. Along with that, a results briefing was held where the company talked about Switch and more. As far as support goes, Square Enix won’t rule out any IPs for Switch. Those include new ones, currently active ones, and ones that aren’t active at the moment. While other platforms would probably receive these games as well due to Square Enix’s multiplatform strategy, they would aggressively make titles for Switch. Also noted is that Switch is an ideal platform to bring middle-range games to, which has been tough to achieve business success. Since Square Enix is good at developing these games, they would work on them aggressively. Square Enix also said that Switch’s core architecture is similar to the PlayStation 4 and Xbox One. You need to make some adjustments, but multiplatform games are not impossible to create. Square Enix had a few words to share about Switch in general as well. The company believes that the system’s momentum is very strong, and Nintendo is doing great is great for them. Square Enix added that Switch’s positioning is unique compared to the PlayStation 4 and Xbox One. Source Eita 2018 venha de com força!!!!!!
  12. O artista Jed Henry, que é um aficionado em estilos de arte japonesa e asiática em geral (...eu levantei a mão aqui), fez uma serie de ilustrações de personagens de jogos e outras mídias, utilizando uma antiga técnica de xilogravura japonesa conhecida como Ukiyo-e. As melhores e mais facilmente identificáveis, ficam por conta dos personagens de jogos da Nintendo. Eu achei foda pra caramba e já faz uma semana que eu devia ter postado....tempo é foda Donkey Kong, Super Mario Kart e The Legend of Zelda The Legend of Zelda, Star Fox e Kirby Metroid, Metroid II Return of Samus e Pokemon Mega Man, Mega Man X e Shadow of the Colossus Sonic e Metal Gear Solid Final Fantasy 6 e Final Fantasy 7 Super Street Fighter II Dragon Ball, Howl´s Moving Castle e Tartarugas Ninja Links para os trabalhos de Jed Henry: Ukiyo- e Heroes http://ukiyoeheroes.com/ Tumblr http://jedhenry.tumblr.com/ Deviant Art https://thejedhenry.deviantart.com/ Como era sobre jogos postei aqui mesmo, mas se o local não for o mais adequado fiquem a vontade para mover
  13. Animal Crossing: Pocket Camp - free to play - you can craft furniture - you can talk to townsfolk and complete requests to get rewards - place crafting orders with the necessary components to get the items you want - you share a friendship level with each character, based on what you do and your chats - the better your relationship, the more they'll come to visit - you can use Leaf Tickets to get items you need if you don't have them - you get Leaf Tickets by using real-life money, or you get them through regular gameplay for free - island, beach, forest, and river locations can be visited through your camper, and you can see them on the in-game map - fishing is included, and you can use a net to catch more fish - game takes place in real-time, and the scenery and visiting animals will change - visit the market place to get furniture items that are too fancy to craft, visit the abel sisters for clothes, and Kicks for clothing - shops at the market place will rotate depending on when you visit - you can decorate your camper with furniture, and fully customize the outside as well - sell bugs, beached items, and minerals can get you bells - real-life friends can visit the game with a code - exchange bells, fish, fruit, bugs and more with other campers, and visit their campsites - you can become friends and 'give kudos' to other players, and if you're friends, you can visit their campsite at any time - choose skin color, hair color, eye color, and sex - you can build amenities for your campsite, like a pool and more - amenities can take hours, if not days, to complete - there are certain things you can put a rush on to complete them, by using leaf tickets - seasonal events, special items, and more will be included in various updates - coming out late Nov. 2017
  14. Prezados, Estava eu aqui dando uma limpada na minha estante de "Nintendus", e ao chegar nos boxes de Zelda comecei a pensar quando veremos o anuncio do próximo jogo, que certamente já deve estar em desenvolvimento. Então me lembrei desse vídeo do Arlo, que fala justamente sobre o tempo que está levando o ciclo de desenvolvimento de cada jogo da série e como ele foi aumentando ao longo dos anos. Na opinião de vocês, é possível diminuir o tempo de desenvolvimento do jogo mantendo a qualidade, ou The Legend of Zelda realmente se tornou um titulo de transição de plataformas e só veremos um novo no fim da vida do Nintendo Switch? Havendo uma versão sofrendo com pequenos problemas resultantes da falta de potencia do console antigo (BoTW Wii U) e uma melhor no novo hardware mas com pequenos problemas oriundos do fato de ser um port (BoTW NS). Do meu ponto de vista é possível, principalmente com o aumento dos times de desenvolvimento envolvidos. No fim do ciclo de desenvolvimento de BoTW (6 meses antes do lançamento), lembro de ter visto uma entrevista com o Aonuma onde ele menciona que haviam adicionado mais profissionais ao time ( 40 pessoas se não me engano) só para ajudar a cuidar do port no NS. Lembrando que não estou propondo que a série se torne praticamente anual, afinal seria um absurdo, claro. Mas em um período de 3 anos estaria bem aceitável ao meu ver. Vejam o vídeo, pois são bem interessantes e coerentes as propostas feitas, as soluções abordadas, e assim fica possível fazer uma análise mais clara e razoável da situação. Até mais!
  15. Não sou um "user" tão bom quanto Dermeval, mas sempre que possível contribuo com alguma canalhice anti nintendista. Não achei tópico, se tiver deletem mas não banam a conta É de uma desenvolvedora indiana, Nodding Heads Games que faz parte do Square Enix Collective. Achei digno !
  16. Lembra muito, mas muito mesmo HyperLightDrifter, que é ótimo, então vale o tópico. Se já tiver deletem!
  17. Tabata sobre o port de FFXV no switch: Ever since Gamescom, we’ve heard about Final Fantasy XV potentially coming to Switch in some fashion. Director Hajime Tabata has now commented on the situation once again in an interview with Eurogamer. Some have thought that Square Enix would look to bring the recently-announced Pocket Edition of Final Fantasy XV to Switch. However, the company has been instead trying to determine if the original game can be put on Nintendo’s console. Tabata said: “We’re actually doing very specific technical investigations into what’s possible at the moment. Where we are at the moment – we’ve completed those tests and have worked out where the ground lies. We’re currently in the middle of the discussion and debate about what we should be doing, and how to realise that on the Switch.” Tabata reiterated what he’s said before about Final Fantasy XV’s engine not being the best fit on Switch. However, Square Enix is talking with Nintendo and even companies like Epic about the best approach in bringing the game to Switch, and what could be done. Tabata explained: “The other thing – you see the mobile version, the PC version, one thing we value is to optimise the way the game plays and the experience for the individual hardware it’s on rather than a one-size fits all approach. We can’t currently announce anything – we haven’t come to a full decision on the best way to do it yet. We’re having very open, frank discussions with Nintendo at the moment about what they think is the best thing to do. It’s all under investigation.” “Honestly, when we did the technical test to see if we could use the same native engine we used on other console versions on the Switch, we tried to run it there, the results weren’t satisfactory. It wasn’t what you’d want from a final game. It doesn’t mean that’s the end of that – we’re looking at the options, like the customisation of the engine. To give you an example how open those discussions are – we’re talking to Epic at the moment, about maybe what we could possibly do there, and if we did a Switch version maybe we’d be able to partner and do something there. Their Unreal environment is just amazing, and will be very useful. You have to have all those options on the table – without that it’d be impossible to make a decision about what we can do on that platform.” Resumindo : TABATA/Square quer que a Nintendo banque o port do jogo com a UE4 ou a luminous customizada para o switch... a relatos que a nintendo ja iniciou as conversas com ele logo depois a declaração de que testou o jogo com a luminous engine e não conseguiu rodar de forma satisfatoria(pelo menos rodou...). Fonte: http://www.eurogamer.net/articles/2017-09-20-square-enix-is-trying-to-get-full-fat-final-fantasy-15-on-the-switch
  18. DanielGalvani

    Amiiqo, o amiibo eletrônico.

    Comprei esse trequinho sei que simula amiibos e funciona que é uma beleza. Vc carrega os amiibos pelo celular e pode usar no wiiu, 3ds e switch. Isso é bom por vários motivos... Elefanta tornando difícil achar alguns amiibos. Portabilidade, principalmente pra 3ds e switch Não precisar, caso não queira, abrir seus amiibos.
  19. Wii U Gamepad The Wii U GamePad has limited "best performance" range from the console of about 24 feet (8 meters). [1] The Wii U GamePad must plug into the wall to recharge (not the actual Wii U console) and uses its own AC adapter -- it is not USB-based. [2] Standalone Wii U GamePads will not be available for sale in North America at launch due to lack of games that support multiple controllers, but they may be available in the future. [3] Replacements for broken Wii U GamePads will be available in North America for a yet unnannounced fee. [4] In Japan, individual Wii U controllers cost ¥13,400 (about $172). [5] The Wii U GamePad can still serve as a map and inventory management tool if you play a game with the Pro Controller. [6] The Wii U GamePad will run 3-5 hours on a full charge and takes 2.5 hours to fully recharge. [7] Multitasking You can access the Internet Browser on the GamePad while playing a game or watching YouTube or television. When accessing the browser during gameplay, the browser will automatically provide search results relevant to the title. [8] You cannot watch Netflix or Nintendo TVii on the GamePad while you're playing games. [9] Wii Backwards Compatibility Wii games will not be displayed at an increased resolution ("up-rezzed") on the Wii U. Wii disc and Virtual Console games will appear in standard definition on your television. [10] Wii discs and Virtual Console games are accessed via "Wii Mode," which is an option on the Wii U GamePad menu. [11] Keep your Wii handy if you want to complete a data transfer from your Wii to your Wii U. Both consoles and an SD card are required to move your old content to your new machine. [12] Wii games cannot be played on the GamePad screen -- that goes for Virtual Console titles as well. [13] Wii U Internal Software The digital features built-in to the Wii U on launch day will include anInternet Browser, access to the eShop, video chat and Nintendo TVii.[14] While the 3DS featured a suite of built-in games like Face Raiders and Find Mii, the Wii U will launch with no built-in games. [15] You will be able to expand your memory via USB with external Flash or Hard Drives. [16] Wii U console will be region locked, including eShop games. [17] [24] The Wii U can take screenshots of TV and games and share them over the Internet.[18] Wii U Games First-Party Wii U launch titles will run at 720p at launch, not 1080p. [19] Most-Third Party Launch titles will run in 1080p, and 60 frames per second. [20] Standard Wii U pricing will be $59.99 in the US. [21] Most first-party Wii U games will also be available digitally unless they require an accessory like the microphone in Sing Party. [22] Confirmed Launch Day Wii U Games (North America) * New Super Mario Bros. U * Nintendo Land * Darksiders 2 * Assassin’s Creed 3 * Batman: Arkham City Armored Edition * Call of Duty Black Ops 2 * Just Dance 4 * FIFA Soccer 13 * Tekken Tag Tournament 2 Wii U Edition * Sonic & All-Stars Racing Transformed * Disney Epic Mickey 2: The Power of Two * Ninja Gaiden 3: Razor’s Edge * Skylanders Giants * Transformers Prime * Wipeout 3 * Sing Party * Warriors Orochi 3 Hyper * ESPN Sports Connection * Rabbids Land * Your Shape: Fitness Evolved 2013 * ZombiU * Scribblenauts Unlimited * Game Party Champions Launch Window Wii U Games (North America - until March/2013, excluding Day-1) Aliens: Colonial Marines Ben 10: Omniverse Bit.Trip Presents: Runner 2 Future Legend of Rhythm Alien Cabela’s Dangerous Hunts 2013 (North America only) Family Party: 30 Great Games Obstacle Arcade Funky Barn (North America only) Game & Wario Jeopardy! (North America only) Jett Tailfin (North America only) LEGO City Undercover Madden NFL 13 Marvel's The Avengers: Battle for Earth Mass Effect 3 Monster Hunter 3 Ultimate Nano Assault Neo NBA 2K13 Pikmin 3 (North America only) Rapala Pro Bass Fishing (North America only) Rayman Legends Rise of the Guardians: The Video Game Tank! Tank! Tank! The Wonderful 101 (North America only) Toki Tori 2 Trine 2: Director’s Cut Wheel of Fortune (North America only) Wii Fit U (North America only) Your Shape: Fitness Evolved 2013 Zumba Fitness Core (North America only) Hardware Specs Storage Internal flash memory: 8GB - $299 for Basic Set, 32GB - $349 Deluxe Set. Expandable memory via external USB hard drive and SDHC memory cards. Nintendo has confirmed that the Wii U will support hard drives of up to 3 TB in capacity. And if you find external hard drives to large and bulky for your Wii U, you can use SD and SDHC memory cards with up to 32 GB of storage. [23] CPU IBM Power®-based multi-core microprocessor IBM has also revealed it to be a 45nm chip, with embedded DRAM. Additionally, the CPU is based on the same chip that is used in the Watson supercomputer, implying it is a Power7 model. (Source: Kotaku) Previously rumored to be roughly 50% more powerful than PS3. (Source: IGN) Recent reports of actual hardware however suggest it to be much greater, putting it around 20% less powerful than the next gen Xbox (which is rumored to be at least 6 times more powerful than current gen consoles). Again, all rumors however. GPU AMD Radeon-based High Definition GPU Reports from 2011 suggest it is based on the RV770 architecture, unlike previous reports which merely pointed to the general R700 series and supports DirectX 10.1 This chip is used in ATi's Radeon HD 4800 series cards "Eyefinity-like multi-display tech for up to four SD video streams" According rumors about details leaked by a Ubisoft employee just before E3 2012, the console uses an AMD Radeon HD 6770 and supports DirectX 11 Note that none of this is official from Nintendo Sources: Engadget, GameWatch[1] RAM The Wii U comes with 2GBs of RAM. 1GB is devoted to Gaming, the other 1GB is devoted to the Wii U's operating system. Wii U Daily Rumors In early December, Wii U Daily reported hardware information supposedly received from a Japanese developer. They consisted of: Quad-core, 3 GHz PowerPC-based 45 nm CPU, very similar to the Xbox 360 chip. 768kb of DRAM “embedded” with the CPU, and shared between CPU and GPU Unknown, 40 nm ATi-based GPU While Wii U Daily suggested that this would put the Wii U on par with the Xbox 360 in terms of performance[2], PCMag.com clarified, that not only were some of the details inevitably misreported, but that just the processor specs would, " ' In terms of raw power, ... put the Wii U way ahead of the Xbox 360 and PlayStation 3.' " INPUT/OUTPUT Four USB 2.0 connector slots, with support for Wii LAN adapters. Dimensions Height 1.8 inches Width 6.8 inches Length 10.5 inches Weight 1.6kg (3.5 pounds) Media, Video & Audio Media 12-centimeter proprietary optical discs holding 25 Gigabytes, equivalent to a single layer Blu-Ray Disc (Source: Kotaku) 12-centimeter Wii optical discs Supported Resolutions 1080p 1080i 720p 480p 480i Supported Video Output Connections HDMI 1.4 Component S-video Composite Audio Output AV Multi Out connector six-channel PCM linear output through HDMI Prices (North America) Basic Set: Wii U console One GamePad controller 8GB memory HDMI cable Wii Sensor bar (no sensor in EU) A/C adapter $299.99 [1] Deluxe Set: Everything in Basic Wii Ubundle 32GB memory Charging cradle and stands for console and controller Nintendo Land game Nintendo Network Premium Subscription $349.99 [2]
  20. Bom, amigos. Agora acho que vira third PÉRTI. Faliu e não tem mais jeito. https://www.nintendo.co.jp/ir/pdf/2017/170427e.pdf Consolidated Operating Results During the first quarter of this period (April through June 2017), for Nintendo Switch, we released Mario Kart 8 Deluxe in April to favorable response, selling 3.54 million units worldwide. ARMS, released in June, is also off to a good start with 1.18 million units sold globally. In addition, The Legend of Zelda: Breath of the Wild, released in the previous period, has also continued to perform well, selling 1.16 million units worldwide (3.92 million units on a cumulative basis). Altogether the sales volume for Nintendo Switch hardware and software during this period came to 1.97 million units and 8.14 million units respectively. For Nintendo 3DS, Fire Emblem Echoes: Shadows of Valentia was released in Japan in April and overseas in May and has been a popular title. Hardware sales were 0.95 million units (1% increase on a year-on-year basis) and software sales were 5.85 million units (31% decrease on a year-on-year basis). As there were few new types of amiibo compared to the same period last year and few new titles offering amiibo functionality, amiibo sales were approximately 1.60 million units for figure-type and approximately 1.30 million units for card-type. In our digital business, sales of the digital versions of packaged software and downloadable content on Nintendo Switch showed steady growth, with total digital sales of 11.0 billion yen (41% increase on a year-on-year basis). For smart devices, many consumers are continuing to enjoy Super Mario Run and Fire Emblem Heroes, which were released during the previous fiscal year. Our smart device and IP related income was 9.0 billion yen (450% increase on a year-on-year basis). With this background, we had an operating profit of 16.2 billion yen and an ordinary profit of 30.9 billion yen against net sales of 154.0 billion yen (of which overseas sales were 113.8 billion yen or 73.9% of the total sales). The profit attributable to owners of parent for this quarter was 21.2 billion yen. Net Sales: ¥154,069 million ($1.38 billion), 148.6% increase YoY Operating Income: ¥16,208 million ($145 million) Profit: ¥21,260 million ($190 million) Nintendo Switch Hardware: 1.97 million for the quarter/ 4.7 million LTD Software: 8.14 million for the quarter/ 13.6 million LTD 3DS Hardware: 950k for the quarter/ 67.08 million LTD Software: 5.85 million for the quarter/ 355.1 million LTD Smart Device, IP related income: ¥9,062 million Nintendo's earnings share from Pokémon Go: (Share of profit of entities accounted for using equity method:) ¥3,286 million Bônus. Media Create dessa semana Media Create Sales: Week 29, 2017 (Jul 17 - Jul 23) 01./00. [NSW] Splatoon 2 # <ACT> (Nintendo) {2017.07.21} (¥5.980) - 648.085 / NEW 02./00. [3DS] Layton's Mystery Journey: Katrielle and the Millionaire's Conspiracy <ADV> (Level 5) {2017.07.20} (¥4.444) - 70.867 / NEW 03./02. [3DS] Hey! Pikmin <ACT> (Nintendo) {2017.07.13} (¥4.980) - 21.628 / 87.494 (-67%)04./00. [3DS] Sumikko Gurashi: Koko, Dokonan Desu? <ETC> (Nippon Columbia) {2017.07.20} (¥4.800) - 20.883 / NEW 05./01. [PS4] Final Fantasy XII: The Zodiac Age <RPG> (Square Enix) {2017.07.13} (¥6.800) - 19.049 / 119.813 (-81%)06./05. [NSW] Mario Kart 8 Deluxe <RCE> (Nintendo) {2017.04.28} (¥5.980) - 12.980 / 588.028 (+12%)07./00. [NSW] Fate/Extella: The Umbral Star # <ACT> (Marvelous) {2017.07.20} (¥7.800) - 10.247 / NEW 08./07. [NSW] Arms <FTG> (Nintendo) {2017.06.16} (¥5.980) - 7.984 / 177.987 (-8%)09./03. [PS4] Gundam Versus # <ACT> (Bandai Namco Games) {2017.07.06} (¥8.200) - 6.665 / 143.844 (-58%)10./08. [NSW] The Legend of Zelda: Breath of the Wild # <ADV> (Nintendo) {2017.03.03} (¥6.980) - 5.989 / 543.016 (-15%)11./10. [3DS] Pokemon Sun / Moon <RPG> (Pokemon Co.) {2016.11.18} (¥4.980) - 5.276 / 3.295.102 (+7%)12./00. [PS4] Under Night In-Birth Exe:Latest <FTG> (Arc System Works) {2017.07.20} (¥6.800) - 5.013 / NEW 13./04. [3DS] Ever Oasis <ADV> (Nintendo) {2017.07.13} (¥4.980) - 4.511 / 18.835 (-69%)14./12. [3DS] Monster Hunter Double Cross <ACT> (Capcom) {2017.03.18} (¥5.800) - 3.354 / 1.546.392 (-17%)15./15. [PSV] Minecraft: PlayStation Vita Edition # <ADV> (Sony Computer Entertainment) {2015.03.19} (¥2.400) - 3.331 / 1.180.284 (+5%)16./00. [NSW] Cars 3: Driven to Win <RCE> (Warner Entertainment Japan) {2017.07.20} (¥5.700) - 3.220 / NEW 17./14. [3DS] Animal Crossing: New Leaf - Welcome amiibo <ETC> (Nintendo) {2016.11.23} (¥2.700) - 3.201 / 205.098 (+0%)18./00. [PSV] World Election # <ADV> (Piacci) {2017.07.20} (¥6.800) - 3.017 / NEW 19./13. [PS4] Grand Theft Auto V [New Price Edition] <ACT> (Take-Two Interactive Japan) {2015.10.08} (¥4.990) - 2.792 / 366.844 (-14%)20./25. [NSW] 1-2-Switch <ETC> (Nintendo) {2017.03.03} (¥4.980) - 2.636 / 233.737 Top 20 3DS - 7NSW - 7PS4 - 4PSV - 2HARDWARE https://www.nintendo.co.jp/ir/en/finance/hard_soft/index.html Nintendo Switch Hardware:4.70miilion units Software:13.60miilion units Nintendo 3DS Hardware:67.08miilion units Software:335.10miilion units Wii U Hardware:13.56miilion units Software:99.97miilion units https://www.nintendo.co.jp/ir/en/finance/software/index.html The Legend of Zelda: Breath of the Wild 3.92 million pcs. Mario Kart 8 Deluxe 3.54 million pcs. 1-2-Switch 1.22 million pcs. ARMS 1.18 million pcs.
  21. Nintendo has filed trademark applications which relate to various game controllers, including one pertaining to Nintendo 64, sparking speculation about Nintendo's potential next mini-console. A thread on NeoGAF points to a series of applications filed in Europe via the European Union Intellectual Property Office on July 18, indicating that Nintendo is looking to register trademarks for several of its past console's controllers. Included in the list are line drawings of NES, SNES, Nintendo Switch and Nintendo 64 controllers: Nintendo's trademark application image. This could indicate that a Nintendo 64 Classic Mini is due to come, following the success of the NES Classic and the popularity of the recently announced SNES Classic. Some have pointed out that the line drawing of the SNES controller filed on the same day appears to be almost identical to that of the controller image printed on the top side of the SNES Classic console's packaging. That's led some to believe that the N64 drawing will be used on a future mini-console's box. Fonte: IGN
  22. E começa o 1º mês do projeto Locadora VGBR, lembrando que qualquer um pode participar a qualquer momento, basta escolher um dos jogos que restam. Pra quem tem duvidas do funcionamento, basta ler o tópico: Pra começar não poderia ser diferente, o console do mês é o SNES, segue a lista de jogos! Qualquer coisa, me tragam a caixinha que te dou a fita por mp =] Boa jogatina e lembrem de compartilhar ela aqui!
  23. Bom, como sempre fiz na vida, eu comprei a porra do videogame pra ter uma opinião séria. Sem achismos. Aliás, não tive alguns consoles por conta de grana ou até mesmo por opção, mas nunca fiquei metendo pau em games de PS3, por exemplo, quando escolhi ignorar o console. Vou fazer um review "breve" da experiência de ter adquirido o Switch + Zelda, depois de basicamente não ter encostado a mão em um console da N desde o N64 (comprei o GC mas fiquei 1 semana com ele, trocando por um PS2 na época). SWITCH A compra em si foi um momento bem legal pra mim. Eu tinha abandonado a Nintendo depois do N64 (que nem tive na verdade, mas jogava direto na casa do @shadowriderX- ele até me emprestava o console as vezes, pois eu era um fudido que não tinha dinheiro pra comprar uma porra cara daquelas) e fiquei com o meu GC uma semana apenas... O havia comprado com SSBM e odiei o game. O RE1 Remake ainda ia demorar pra sair e quando vi o PS2 rodando, voltei na loja que havia comprado o GC e troquei por um PS2. Então, não fui um cara que jogou o SMS, SMG, Mario Party e todos os games que a N lançou nas gerações seguintes. Com o lançamento do Wii, a N virou para mim uma aberração, uma fabricante de consoles que encorajava pseudo-games, feito para jogadores casuais demais e gente esquisita. Sendo assim, eu nunca havia entrado na Nintendo Store em NY antes, mesmo já tendo ido 6 vezes pra lá à trabalho e férias. Simplesmente não tive vontade. Porém, quando cheguei num domingo chuvoso na cidade e pensei: se eu tivesse um console aqui, jogaria horrores já que não dá animo de sair com 11 graus e essa chuva... tomei a decisão de que daria uma chance ao Switch. Eu sabia que existiam apenas 3 games que me despertaram a atenção: Zelda, MK8D e Street Fighter. E mesmo assim, os dois últimos não me cativaram tanto. De qualquer maneira, decidi ir até a Nintendo Store. E a experiência foi incrível. A loja te despe de toda a camada adulta que existe em você, e te trás pra tenra infância em 3.4 segundos. A decoração, os produtos, as coleções de consoles... literalmente me escorreu uma lágrima quando eu fiquei de frente pra coleção de videogames. Videogames tem um lugar especial no meu coração. Eu comecei a "jogar" com 2 anos de idade, destruindo controles do Atari que era da minha mãe, em games como Frostbite e Decathlon. Nessa idade, nem coordenação motora eu tinha direito, mas eu "peguei o jeito" ao final dos meus 2 anos, muito mais rápido que a maioria das crianças. Na verdade, eu fiquei sabendo disso apenas quando ouvi isso do meu pediatra, já com 7 aninhos e nunca mais esqueci. Desde cedo desenvolvi um estalo nos pulsos, acreditando por conta de tanto jogar videogames. Quando fui visitá-lo pra receber uma indicação de ortopedista, minha mãe comentou que eu já conseguia jogar decentemente com 3 anos de idade, e se aquilo era o motivo pros tais estalos. O médico disse que não necessariamente, mas que o que chamava sua atenção na verdade era uma criança conseguir desenvolver consciência motora a partir dos dois anos. Mas compreendia que videogames tinham essa capacidade. Então, naquele momento na Nintendo Store, eu vi a minha infância, parada ali atrás dos vidros, cada "fase" dela... e aquilo me emocionou de verdade. Revirei cada item da loja. Olhei e li cada imagem/poster/mensagem... e fui resgatando a sensação de que há tempos não tinha mais com os consoles: a magia dos jogos. A Nintendo é mágica, como nenhuma outra o é. Você percebe isso na coleção de Zelda, de Kong, Mario... você vê isso estampado no olhar das crianças na loja, ou de seus pais (também gamers, com camisetas que denunciavam isso), que tudo aquilo ia além de apenas um monte itens à venda numa loja. Ali se encontrava a representação física da magia que os videogames passaram anos tentando criar, de todo preconceito que foi necessario ser transposto (quem não se lembra do famoso "coisa de criança"), e de tudo de mais incrível que foi realizado nessa indústria de sonhos. Eu poderia simplesmente virar as coistas e ir embora naquele momento, pois a sensação que tive ali dentro já havia feito todo o bem que eu havia esquecido que jogos podem fazer. Mas eu tinha uma missão a cumprir. Fui até os estandes onde se encontravam os Switch's. Um deles, ligado numa tela digital de mais de 150 polegadas, onde crianças jogavam Mario Kart frenéticamente. Outros com Zelda, onde os mais novos não demonstravam assim tanto interesse quanto os mais velhos. Alguns com games como 1-2 Switch e Snipperclips. E um totem com Street Fighter. E uma pequena fila. Aquilo me lembrou minha época de fliperama. Onde você conhecia todos os bares que sua mãe julgava perigoso demais. Aquele refúgio das aulas chatas. O ponto de encontro dos verdadeiros mestres da "arte do contra". Outra fase de minha infância que bateu forte no peito, fazendo um arrepio percorrer os braços. Esperei as pessoas jogarem contra um japonês que tinha certa técnica, mas eu sabia que o destruiria. Simplesmente sabia. Coisa de quem jogou fliperama demais, saca? Devo ter eliminado o cara em 30 segundos. Nos dois rounds somados. Ele pediu pra ir de novo. Nada muito diferente. E eu fiquei assim, quase uma hora tirando pessoas do meu lado, uma atrás das outra. Até que finalmente meu Zangief perdeu pra uma Chun Li mais afiada. O cara me disse que eu deveria ter participado do campeonato que havia rolado na semana passada na loja. Que presentaram o vencedor com um Switch e que, de acordo com ele que estava presente no dia, eu jogava melhor que o cara que venceu. Eu dei risada, pois lembrei de caras como o Garou e o Codão, e percebi que o nível do campeonato não deveria ter sido lá muito elevado, hahaha. No final das contas, tive de comprar meu console. Street Fighter tinha esgotado, então peguei apenas Zelda e Mario Kart. Um kit de proteção dos controles + tela e uma case do Super Mario. Com uma grande sacola com Donkey Kong estampado eu caminhava leve, no meio da chuva, de volta pro hotel. Um sorriso besta no rosto, lutando pra não esquecer daquilo que havia visto e sentido na loja. Cheguei no hotel, e abri a pequena caixa. Encaixei os controles na lateral, configurei tudo muito rápido e lembrei como a Nintendo faz isso bem. Tudo clean, intuitivo e simples. Sem um milhão de configurações. O portátil pesa decentemente. A tela tem uma resolução excelente e os controles são competentes (apesar de achar o analógico um pouco mole demais pro meu gosto e as vezes com a resposta um pouco mais lenta do que estou acostumado). O som no fone de ouvido também não é dos mais altos, mas é cristalino. Peguei então o cartucho daquele jpgo que a imprensa toda idolatrou desde o day one. E comecei a jogar... ZELDA Talvez a exeriência na loja tenha amaciado meu coração um pouco, então aquela atmosfera desprovida de "seriedade" quase como um conto infanto-juvenil não me incomodou nem um pouco. Ao contrário, me lembrei de que a Nintendo possuia uma qualidade que hoje em dia foi simplesmente abandonada: simplicidade. Não vamos confundir ser simples com ser simplório. Zelda é simples. Desprovido de pretensão de ser um AAA. Sem efeitos e intros mirabolantes. Seu personagem principal não tem dezenas de acrobacias e movimentos estilosos, nem frases de efeito (há! Ou frase alguma!) para dar um ar hollywoodiano na trama. Link não tem roupas extravagantes e cabelos estilosos a la Final Fantasy. Link não tem nada disso. E é exatamente o que impressiona, pois ele te cativa no primeiro minuto, sem nenhum desses artifícios. O mundo foi esculpido. Não estamos falando aqui de uma repetição procedural sem vida. De um Thunder Plains de FFX: gigante e vazio. Estamos falando daqueles caras que são capazes de fazer estátuas incrivelmente detalhadas em um bloco de mármore, sem margem pra erro. Falo aqui da sensação que tive quando vi Avatar (o filme do Cameron) pela primeira vez em IMAX. Esqueça o roteiro Pocahontas. Lembre-se da floresta, da quantidade monstruosa de vida e detalhes pequeninos, mas dotados de uma coerência absurda no ecossistema. O mundo de Zelda implora pra ser explorado. E mesmo que não implorasse, você o faria mesmo assim. Pois ele não é fruto de um belo render genérico e desprovido de vida. Não é apenas um pôster de game que envelhecerá mal daqui 2 anos. O mundo de Zelda é quase atemporal. Ele é recheado com todas as simplicidades geniais que foram abandonadas em troca de texturas high-res e partículas dançantes de armas extravagantes. Tem calor, frio, chuva, luz e escuridão. Mas não como estamos acostumados. Não é apenas estético ou puro eye candy. Talvez a ÚNICA, ÚNICA softhouse que se atenha a detalhes nesse nível, com o intuito de atingir completa imersão seja a Rockstar. As mecânicas de dayshift de GTA e o environment de RDR são as únicas coisas remotamente comparáveis ao o que se vê em Zelda. Bom, talvez Witcher 3, mas perto de Zelda, ele parece enlatado. Zelda não te dá grilhões ou algemas. Na verdade, ele luta pra te libertar, para deixar você encontrar suas próprias soluções, seu ritmo, descubra sua própria curiosidade. Ele quer que você POSSA. Como uma releitura do jargão usado por Obama, Zelda grita "Yes YOU CAN" na sua cara. Tudo aquilo que você julga remotamente possível, geralmente o é. Da lógica na mistura de ingredientes a física apurada, o mundo de Link te surpreende na sua simples sagacidade de usar o real pra enriquecer o fantasioso. Um grande debate acerca de RPG's sempre foi como se fazer real sem se tornar chato. Zelda é isso. Quando penso no processo de criação do game, imagino a seguinte cena: "Um ansioso e amedrontado homem caminha pela floresta, inquieto e assustado com o barulho dos animais selvagens demais pra alguém da cidade. Ele carrega uma pequena maleta consigo. Depois de certo tempo, avista a pequena casa, de acabamento incomum pros padrões do lugar. Tudo bonito demais pra uma velha cabana no meio do mato. Sobe o pórtico e bate na porta. Um senhor de idade abre a porta delicadamente, olhando o homem de cima a baixo. Depois afasta-se e o convida a entrar. Aponta-lhe uma poltrona enquanto busca um bule de chá quente. O aroma de ervas e biscoitos recém saídos do forno toma conta da casa. O homem coloca a pasta ao lado da poltrona e senta. O velho lhe serve um pouco de chá em uma xícara artesanal, provavelmente feita pelo próprio dono da casa. O velho se senta em outra poltrona, de frente para o homem e também se serve de uma xícara de chá. Separa 3 biscoitos em cada um dos dois pratos e entrega um deles ao homem. Ajusta os óculos enquanto se reclina na poltrona. Mexe cuidadosamente seu chá com uma colher enquanto mantém os olhos fixos nos olhos do homem. Então diz: - Trouxe o que pedi? - Sim, eu trouxe. Olhe, senhor, gostaria de me desculpar quando disse que não concordava que o senhor era o mais indicado pra esse trabalho. Nada pessoal mas, veja... - Eu entendo. - interrompe o velho. Eu sei que é natural duvidar de minha capacidade. Afinal, já sou um idoso e compreendo a insegurança dos mais novos. - Não é que eu não acredite na sua capacidade, muito pelo contrário... - Não precisa se explicar. Apenas me entregue a maleta, por favor. - Sim senhor. Poderia me explicar o que existe de tão importante que não poderia ser visto por ninguém? - Nada demais. Apenas pedi discrição para evitar mais burburinho acerca das minhas habilidades. Afinal, como disse, os mais novos tendem a não compreender alguns clássicos. O velho abre a maleta, revelando seu conteúdo. - O que é isso? - perguntou o homem. - Minhas ferramentas, assim como pedi. - Entendo, mas não pensei que fossem literalmente ferramentas! Como você pretende fazer aquilo que te... - É disso que estou falando. - interrompeu o velho. Vocês jovens tendem a achar que apenas o novo é capaz de realizar grandes feitos. - Mas estamos falando de tecnologia aqui. Não carpintaria. - disse o homem enquanto obervava o velho retirar pincéis, blocos de papel, tinta e outros instrumentos artísticos de dentro da maleta. - Exatamente. E o que você acha que isso é? - Material escolar? O velho riu. - De certa forma sim. Mas veja bem. Um simples lápis envolve tecnologia. A madeira correta, a espessura correta pra segurar o grafite enquanto suporta as mudanças de clima, sem rachar ou umedecer demais. Rudimentar, mas ainda assim, tecnologia. O homem deu de ombros. - Mas como o senhor pretende fazer algo tão grandioso com apenas... "isso"? O velho sorriu e respondeu: - Como sempre fiz todas as minhas outras obras. De forma simples. - Mas o senhor acha que estamos falando de algo simples aqui? Esse trabalho é IMENSO, envolve toda uma gama de... - O senhor terá de confiar em mim, meu jovem. - interrompeu o velho. - Mas como posso fazer isso se me diz que deseja tratar tudo de forma simples? - Veja bem, está vendo aquela velha cômoda no canto? Poderia fazer um favor a esta velha alma em pegar aquele rolo de projeto que está dentro do gavetão de cima? Ali está uma das minhas obras preferidas. Quero que abra e dê uma olhada nela - Claro. Enquanto o homem se dirigia a cômoda o velho continuou: - Veja bem. Mesmo quando você olha uma incrível construção como uma catedral, por exemplo... O homem chegou na cômoda e abriu o gavetão. -...Por mais que seus traços sejam góticos, cheios de detalhes, ângulos e recortes... O homem retirou a rolo de papelão de dentro. Era leve. -...Com gárgulas em suas torres, vitrais gigantescos e uma estrutura arquitetonicamente complicada... O homem retirou a tampa do rolo e desenrolou o papel que estava em seu interior. Olhou para a obra e para o velho, tão incrédulo que deixou o rolo de projetos cair no chão. -...No final das contas é apenas pedra, areia e cimento. Vidro e tinta. Pás e pregos. Pincéis e lápis... - M-m-mas isso aqui é a... -...Não importa tanto o material - e não falo aqui da qualidade deles, pois esse sim influencia o resultado - mas a FORMA que você os utiliza. Essa obra que você tem em mãos, por exemplo, antes de pintá-la... - S-s-sim. M-mas isso a-aqui é a Mo... -...O mais difícil foi desenhá-la, sabe? Garantir que eu conseguiria dar a ela toda a expressão que ela merecia. Que a obra pudesse se tornar tudo aquilo que tinha potencial para ser. - Mona Lisa! - Exatamente. Veja bem. Hoje, vocês conhecem La Gioconda dessa forma, mas utilizando sua própria lógica, ela seria impossível de existir utilizando apenas "material escolar", certo? - Você não é um velho qualquer! Você é... - Esse não é o ponto. O que quero que entenda é que simplicidade aliada ao talento pode transformar o trivial em genial. Mesmo quando tudo que se tem a mão é uma folha de papel e um lápis. Ou uma tela, alguns pincéis e tintas." Desculpem pelo texto longo, mas é isso. A Nintendo é uma velha artista, que, apesar de seus tropeços, possui uma experiência que poucos possuem. E a genialidade dela estar em justamente transforma aquilo que nos é transparente em protagonistas. E Zelda é o resultado disso. Quando o gênio tem apenas uma tela e um pincel na mão, mas consegue pintar a Mona Lisa. Simples e atemporal. Espero que tenham gostado da análise em formato crônica. Qualquer crítica construtiva é bem-vinda. Beigos
×