Jump to content
vgBR - Videogames Brasil
Fermac

Comentários que psicografei acerca da E3

Recommended Posts

Concordo em partes.

Dá tristeza ver gamers com quase duas décadas de hobby na cara ainda caindo no anúncio de 30 segundos de pré-render sem data definida. Depois o jogo passa 5 anos em TBA e cancelam silenciosamente.

Quando vi o anuncio, foi bem doido. Agora já coloquei os pés no chão e to mais de boa, nem comento ou fico sonhando com "como vai ser FFVII".

Claro que há uma esperança de sair algo bom, mas prefiro ser mais realista, ser surpreendido com um ótimo remake do que apagar tudo de merda que já aconteceu na square por causa de uma noticia boa.

Shenmue cago e ando, não curti na época e creio que não vou curtir agora. Open World não me desce.

A verdade é que a melhor notícia da E3 foi essa que o Seifer comentou agora, a única alcançável pra mim no momento.

Share this post


Link to post
Share on other sites

FFVII foi um anúncio épico por ser um sonho de muitos, mas todos sabemos a realidade da Square ser lenta e que esse jogo não chegará nem tão cedo. É só olhar o quanto KH3 e FFXV estão demorando. Mas em termos de qualidade acho difícil ser ruim. Pode não viver ao hype, mas deve ser um grande jogo.

Shenmue para mim é indiferente, nunca joguei mais que 15 minutos. E via kickstarter como jogo pequeno continuando a história de algo que não conheço não devo nem tocar. Mas com sorte sai um bom jogo para os fãs, mas também é outro que vai demorar.

A política de certas empresas é bem diferente mesmo. Algumas preferem anunciar algo mais palpável como Bethesda, MS, Ubisoft e EA. Outras trabalham no futuro longínquo como Sony e Square.

Mas achei até cara de pau da Sony anunciar novamente The Last Guardian sem data. Esperava até rever o jogo, mas para compensar os atrasos tinham que ter uma data fixa já. Eu chutava até ser uma surpresa para este fim de ano, mas nem um "2016" tiveram coragem de informar.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas achei até cara de pau da Sony anunciar novamente The Last Guardian sem data. Esperava até rever o jogo, mas para compensar os atrasos tinham que ter uma data fixa já. Eu chutava até ser uma surpresa para este fim de ano, mas nem um "2016" tiveram coragem de informar.

Mas informaram. No final do vídeo apareceu "2016" :mua:

No mais, análise lúcida do espírito psicografado.

Edited by Fahack
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas informaram. No final do vídeo apareceu "2016" :mua:

No mais, análise lúcida do espírito psicografado.

Então erro meu, desculpe. Assisti a conferência, mas não vi isso. Devo ter me distraído na hora. Falha minha.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hahah verdade. Ninguém ainda pensou direito nessa hipotese.

Eu pensei nisso desde que foram anunciados FFVII e Shenmue.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

My 2 cents:

- Yu Suzuki, um dos maiores game designers de todos os tempos, numa aposentadoria extremamente desgostosa e amarga (googlem os últimos "projetos" que o coitado teve que participar), aparece finalmente pro gran finale: mendigar dinheiro pra um jogo de nicho que servirá só pra ser esmagado e achincalhado pela concorrência pesada e sólida que na época que o Shenmue original saiu, não existia, o que tapou a série de defeitos graves que aquele jogo tinha. Coitado de quem fica doando pra essas coisas.

Não vejo como "mendigar". Kickstarter jamais teve expressão significativa ou caso de sucesso em projetos para consoles. Foi uma jogada arriscada, até. O dinheiro pro funding estava na cara que conseguiria, existem fãs o suficiente para isso. Agora é que vem o verdadeiro desafio. O jogo é datado e seu apelo não tem mais tanta força. E os backer vão querer um "Shenmue". E quando digo isso, não digo uma sequência apenas.... mas um jogo que tenha o "wow" e a inovação que Shenmue sempre teve. Nem que pra isso, ele tenha de mudar sua própria fórmula. Como disse, arriscado demais.

- No Man's Sky possivelmente leva o framboesa de pior do show. Nem vale a pena comentar um trecão bobo como esse.

Concordo em gênero, número e grau. Uma tendência perigosa que existe hoje em dia é utilizar a capacidade computacional e fazer jogos enormes. Jogos longos cansam mais rápido. E bostas enormes, são.... bem.... bostas ENORMES. Desde o surgimento dos pseudo-jogos de Wii, o mercado passou a hypar qualquer porcaria "conceitual". O que eu vi: um "jogo" idiota, como que feito em um "Game Maker" da vida com templates de Front Page como arte. Ridículo é pouco.

- Apresentação de Last Guardian trouxe a emoção dos jogos do Fumito para o show business. E Fumito mereceu a homenagem, não deve ter sido fácil se manter calado tanto tempo e passar por esse development hell. Momento realmente interessante. E acessoria de Shuhei Yoshida provavelmente é a melhor da história dos games. O japonês tem a manha de aparecer e apoiar publicamente só a nata, e os comentários dele são sucintos e ao ponto. É a figura executiva que mais representa o espírito dos games hoje em dia. Não é de graça que a Sony esteja ganhando tracking na corrida de consoles.

Novamente meu problema com Last Guardian é o hype que ele trouxe pra si. ICO e SotC são estandartes do "jogo arte", mas eu não sei um terceiro capítulo com as mesmas características tem força suficiente pra agradar os fãs. Tenho certa convicção de que o jogo será competente, mas o hype em torno dele é seu próprio nemesis.

- Conferência do Xbox com claque vestida de verde e agindo conforme um teleprompter... Não sei, os caras tão perdidos. Microsoft era pra ser profissional, não?

Americanos de cara vermelha que nunca jogaram na vida. Pre-requisito pra apresentações da MS. Eu odeio alegria forçada. Pessoas que falam como retardadas inebriadas pelo gás do riso. Sério.

- Conferência da Sony sucinta com ênfase na palavra "title". "This title...", "Our next title...", etc. Passou a mensagem de empresa que cuida dos jogos.

A Sony sentiu o baque da geração passada e resolveu se reciclar em diversos aspectos. E isso é bom. Pude comprar um console da Sony sem me sentir um idiota por gastar dinehiro 2 vezes (por já ter um XOne). Exclusivos e parcerias sempre foram a força motriz dos consoles e suas softhouses. As duas ultimas gerações foram pífias no quesito diversidade. Jogos multi são um câncer para a indústria.

- O evento digital da Nintendo obviamente foi uma coisa mais pro público típico de "rede social". Problema que isso não serve pra semana da E3, onde os ânimos estão só prestando atenção nos eventos sísmicos. De novo, a Sony foi a que compreendeu melhor o que o pessoal espera.

A Nintendo parou de produzir jogos decentes e até certo ponto, jogos e pronto. Ela não sabe se é uma empresa falida, uma concorrente inexpressiva ou simplesmente uma fabricante que precisa trocar todo seu board of directors.

- Remake de Final Fantasy VII (um remake óbvio) apresentado muito cedo (Square-Enix in trouble?) com uma CG encomendada, e sem a emoção que o jogo evoca. Que Final Fantasy XV está se desenhando pra ser um dos maiores fiascos que já vimos num jogo AAA, é lógico, mas com esse anúncio envolvendo os maiores nomes do estúdio, quem ainda teria o saco maior que o mundo pra comprar um jogo que até agora é basicamente um carro com 4 carinhas dentro andando no asfalto e explorando grama rala?

Aqui eu divido em 2 comentários:

FFXV: Me parece um jogo sem cronograma. Uma equipe tecnicamente competente encontrou produtores com falta de foco. Parece-me que querem colocar um trilhão de coisas no título e a cada nova idéia ele atrasa 6 meses no deadline. É a última grande chance da Square em reviver a franquia como algo que valha a pena esperar e comsumir. Mas eu me incomodo com essa tendência atual de achar que apenas possuir comércio de itens, pontos de XP e decisôes de diálogo fazem um RPG. Não basta ter tudo isso e possuir gameplay de Devil May Cry. Prevejo um novo FFX: um game bonito, mas que se analisado friamente, é apenas isso mesmo.

FF7: tenho duas opiniões. Racional e emocional (wishfull thinking)

- Emocional: o jogo já está em desenvolvimento há anos e se bobear por mais tempo do que FFXV. Isso explica a ausência de grandes nomes em projetos da Square nos ultimos anos. Como hoje existem players de nicho em quantidades volumosas o suficiente pra garantir sucesso comercial, acredito que manterão exatamente a mesma mecânica, incorporando apenas um ou outro sistema que auxilie na dinâmica do jogo. Será turn based e terá diálogos rescritos, pois o original é infantil e fãs daquela época são adultos hoje em dia. Ele deve sair mais cedo do que imaginamos: 2016/2017.

- Racional: A ultima carta na manga de uma empresa que nao produz um blockbuster há mais de uma década. Utiizando sua famosa equipe de CG que consegue fazer animações que ninguém iguala, utilizam-se do clima do Advent Children pra criar um hype em torno e algo que talvez jamais seja lançado de verdade. Pouca informação é diferente de nenhuma, e isso indica que não sabem nem ao certo quem vai trabalhar nesse projeto. Muito provável que só se inicie quando o pessoal de FF15 finalize o jogo, o que nao se tem nem data ainda. Vão querer manter a tendencia atual de linearidade e combate aberto e ele se tornará o que Crono Croos se tornou pra Crono Trigger. Algo até que aceitável mas que não merece carregar o nome de seu antecessor.

- Level design de Uncharted 4 no final da conferência da Sony é daquelas coisas que pra expressar direito, só usando palavrões. Naughty Dog em técnica caga na cabeça do resto.

Concordo. É o Gears da Sony. Você pode até estar de saco cheio. Até evr oq ue os caras fizeram.

- Essa Media Molecule precisa ter as suas portas fechadas.

É um Mario Paint com tecnologia atual. Não é ruim, mas não é um jogo.

- Star Wars Battlefront rodando no PC com 8 placas de vídeo que mostraram até que está bom.

Depois de ver Uncharted 4 eu acredito que o jogo rodará bem próximo do apresentado. Até porque a complexidade do cenário é bem menor, o que sobra processamento pra texturas e luz. Star Wars não é um mundo plasticamente complexo em espaços abertos (apesar de rico) e isso pode ser uma vantagem. E quando digo "nao complexo" eu me refiro ao level design que vimos em todos os jogos da série, nao no mundo criado por Lucas.

- Parabéns pros caras terem mostrado Gears 4 direto com um gameplay.

Isso se chama respeito pelos gamers. Sensacional.

- Doom foi o melhor jogo mostrado até agora.

Aqui sim eu acredito que o emocional falou tão ou mais alto que FF7 ou Shenmue. A fórmula de DOOM é a mais gasta de todos os tempos e ele sim terá dificuldade em manter o hype. A apresentação foi legal, pois teve o frenesi do Quake 2 Arena. Mas de verdade, Destiny tentou ser um jogo "fundamentalmente multiplayer" e por mais sucesso que faça, está longe de ser qq tipo de unanimidade. Foi bom? Claro que foi. Agora, o melhor de todos? Acho que não.

- O design dos bichos do Animal Crossing do WiiU está um luxo. Uma pena ser um jogo de gimmick e não sei o que estão esperando pra lançar um principal no WiiU. Essa série é a melhor coisa que existe na Nintendo, provavelmente o jogo mais underappreciated no ocidente. Uma pena.

Sem comentários pois nunca joguei.

- Rare não tem muito o que falar, apenas fizeram o papel de comedy relief. Coitado de quem espera algo duma trolha dessa.

A Rare possui a maior aura de "é dessa vez que vai" que já vi até hoje: ão tem mais ninguém do dream team original, não produz mais nada que presta, mas todo mundo espera que isso faça parte de um grande plano de impressionar a humanidade no tempo certo.

- Platinum Games adicionou mais alguns projetos na sua infinita lista de jogos sem sal. A liberdade de ser um estúdio independente não é grande coisa, no fim das contas. Com o fracasso de Bayonetta 2, até isso já perderam.

Platinum Games é empresa conceitual tentando se manter na onda mainstream. Exemplo disso é Metal Gear. O maior problema de uma empresa que se ergue em cima de uma personalidade é quando por conta de lucro ela se trai. A maioria ds blockbusters não sao compativeis com sua visao de mercado. É fracasso automatico. NiER pode reverter isso.

- Esses óculos e hologramas são um saco. Tecnologia fake é para otários.

Acho que ainda vamos nos surpreender com ela. Ela é beeeeem diferente de um Kinect da vida. Achoq ue vem muita coisa boa por aí.

- Fã de Metroid é aquela pessoa que você precisa exercitar a sua santidade. Tem que rezar por eles antes de dormir. Coitados.

Apenas um reflexo de uma empresa que hoje não possui o mínimo respeito pelo seu próprio legado. Quase uma Square-Enix.

- WiiU está acabado.

Já começou assim.

- Gen'ei Ibunroku FE que mostraram no evento da Nintendo é o que vai se chamar FE vs SMT no ocidente né? Adicionem uma ave maria antes de dormir pros fãs disso daí também.

...

- Assistindo alguns streams no youtube (os streams dele estão ótimos, não travam nunca), toda hora aparece um jogo mediano que leva o nome de alguma-coisa-que-já-foi-alguma-coisa 500 anos atrás. Isso precisa parar e eu conclamo à todos que não comprem nenhum desses assaltos à moral e aos bons costumes.

Quem não cria o novo se alimenta do passado.

Edited by Overload
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu pensei nisso desde que foram anunciados FFVII e Shenmue.

Pior que nem vi pq só li o anuncio mas se foi apenas CG tem que rir pq neguinho já tá comparando algo que não existe com fotos antigas de FF7 riariairairai

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dá tristeza ver gamers com quase duas décadas de hobby na cara ainda caindo no anúncio de 30 segundos de pré-render sem data definida. Depois o jogo passa 5 anos em TBA e cancelam silenciosamente.

Hahah verdade. Ninguém ainda pensou direito nessa hipotese.

tumblr_nfixbr7Dr81rziwwco1_400.gif

Quando vi o anuncio, foi bem doido. Agora já coloquei os pés no chão e to mais de boa, nem comento ou fico sonhando com "como vai ser FFVII".

Claro que há uma esperança de sair algo bom, mas prefiro ser mais realista, ser surpreendido com um ótimo remake do que apagar tudo de merda que já aconteceu na square por causa de uma noticia boa.

Eu pensei nisso desde que foram anunciados FFVII e Shenmue.

Alá, quando sou eu que falo, eu sou pessimista, venho do futuro e os caralhos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou evitando escrever polemicas aqui. Não vale a dor de cabeça.

Esse tipo de coisa já comentei com chapas por whats ou chat


Mas se alguém posta, eu concordo :mua:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu perguntei no whatsapp e vou perguntar aqui novamente:

Algum remake fez mais sucesso que o original?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tu tá levando conta o Ricko que realmente esperava Battletoads novo(pior reclamar de gente hypando trailer quando hypa CAMISA), Galvani que fala isso mas hyparia só trailer teaser com logotipo de novo AC e Rhazo que as vezes posta bem mas geralmente usa gerador de post terminando com palavrão.

Não são os melhores posters pra justificar ser cínico.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu perguntei no whatsapp e vou perguntar aqui novamente:

Algum remake fez mais sucesso que o original?

RE remake foi bem sucedido.

Tu tá levando conta o Ricko que realmente esperava Battletoads novo(pior reclamar de gente hypando trailer quando hypa CAMISA), Galvani que fala isso mas hyparia só trailer teaser com logotipo de novo AC e Rhazo que as vezes posta bem mas geralmente usa gerador de post terminando com palavrão.

Não são os melhores posters pra justificar ser cínico.

Dá pra invalidar a opinião de qualquer um dessa maneira. Mesmo pq, nada do que vc falou invalida porra nenhuma. Nessa E3 Galvani hypou Hitman e Fallout (entre os que eu me lembro) e o fato de Rhazão falar palavrão não significa que a opinião dele vale menos que a de qualquer um.

Share this post


Link to post
Share on other sites

RE remake foi bem sucedido.

Dá pra invalidar a opinião de qualquer um dessa maneira. Mesmo pq, nada do que vc falou invalida porra nenhuma. Nessa E3 Galvani hypou Hitman e Fallout (entre os que eu me lembro) e o fato de Rhazão falar palavrão não significa que a opinião dele vale menos que a de qualquer um.

Até porque RhaZo trabalha na indústria, indiretamente mas trabalha

Muita coisa da e3 ele já sabia se bobear mas trabalha debaixo de NDA provavelmente

Share this post


Link to post
Share on other sites

RE remake foi bem sucedido.

Foi. Porém, mesmo sendo relançado 3x não superou o original.

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Não superou o original" daí entra questão de opinião...maioria fica difícil voltar pro clássico, que imho só sobrou o "humor" com a dublagem.

Castlevania IV e Metroid Zero Missions são considerados melhores que suas versões anteriores também.

Share this post


Link to post
Share on other sites

- Yu Suzuki, um dos maiores game designers de todos os tempos, numa aposentadoria extremamente desgostosa e amarga (googlem os últimos "projetos" que o coitado teve que participar), aparece finalmente pro gran finale: mendigar dinheiro pra um jogo de nicho que servirá só pra ser esmagado e achincalhado pela concorrência pesada e sólida que na época que o Shenmue original saiu, não existia, o que tapou a série de defeitos graves que aquele jogo tinha. Coitado de quem fica doando pra essas coisas.

- No Man's Sky possivelmente leva o framboesa de pior do show. Nem vale a pena comentar um trecão bobo como esse.

- Apresentação de Last Guardian trouxe a emoção dos jogos do Fumito para o show business. E Fumito mereceu a homenagem, não deve ter sido fácil se manter calado tanto tempo e passar por esse development hell. Momento realmente interessante. E acessoria de Shuhei Yoshida provavelmente é a melhor da história dos games. O japonês tem a manha de aparecer e apoiar publicamente só a nata, e os comentários dele são sucintos e ao ponto. É a figura executiva que mais representa o espírito dos games hoje em dia. Não é de graça que a Sony esteja ganhando tracking na corrida de consoles.

- Conferência do Xbox com claque vestida de verde e agindo conforme um teleprompter... Não sei, os caras tão perdidos. Microsoft era pra ser profissional, não?

- Conferência da Sony sucinta com ênfase na palavra "title". "This title...", "Our next title...", etc. Passou a mensagem de empresa que cuida dos jogos.

- O evento digital da Nintendo obviamente foi uma coisa mais pro público típico de "rede social". Problema que isso não serve pra semana da E3, onde os ânimos estão só prestando atenção nos eventos sísmicos. De novo, a Sony foi a que compreendeu melhor o que o pessoal espera.

- Remake de Final Fantasy VII (um remake óbvio) apresentado muito cedo (Square-Enix in trouble?) com uma CG encomendada, e sem a emoção que o jogo evoca. Que Final Fantasy XV está se desenhando pra ser um dos maiores fiascos que já vimos num jogo AAA, é lógico, mas com esse anúncio envolvendo os maiores nomes do estúdio, quem ainda teria o saco maior que o mundo pra comprar um jogo que até agora é basicamente um carro com 4 carinhas dentro andando no asfalto e explorando grama rala?

- Level design de Uncharted 4 no final da conferência da Sony é daquelas coisas que pra expressar direito, só usando palavrões. Naughty Dog em técnica caga na cabeça do resto.

- Essa Media Molecule precisa ter as suas portas fechadas.

- Star Wars Battlefront rodando no PC com 8 placas de vídeo que mostraram até que está bom.

- Parabéns pros caras terem mostrado Gears 4 direto com um gameplay.

- Doom foi o melhor jogo mostrado até agora.

- O design dos bichos do Animal Crossing do WiiU está um luxo. Uma pena ser um jogo de gimmick e não sei o que estão esperando pra lançar um principal no WiiU. Essa série é a melhor coisa que existe na Nintendo, provavelmente o jogo mais underappreciated no ocidente. Uma pena.

- Rare não tem muito o que falar, apenas fizeram o papel de comedy relief. Coitado de quem espera algo duma trolha dessa.

- Platinum Games adicionou mais alguns projetos na sua infinita lista de jogos sem sal. A liberdade de ser um estúdio independente não é grande coisa, no fim das contas. Com o fracasso de Bayonetta 2, até isso já perderam.

- Esses óculos e hologramas são um saco. Tecnologia fake é para otários.

- Fã de Metroid é aquela pessoa que você precisa exercitar a sua santidade. Tem que rezar por eles antes de dormir. Coitados.

- WiiU está acabado.

- Gen'ei Ibunroku FE que mostraram no evento da Nintendo é o que vai se chamar FE vs SMT no ocidente né? Adicionem uma ave maria antes de dormir pros fãs disso daí também.

- Assistindo alguns streams no youtube (os streams dele estão ótimos, não travam nunca), toda hora aparece um jogo mediano que leva o nome de alguma-coisa-que-já-foi-alguma-coisa 500 anos atrás. Isso precisa parar e eu conclamo à todos que não comprem nenhum desses assaltos à moral e aos bons costumes.

Se o meu contato tiver mais alguma coisa a dizer, atualizarei.

hqdefault.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Não superou o original" daí entra questão de opinião...maioria fica difícil voltar pro clássico, que imho só sobrou o "humor" com a dublagem.

Castlevania IV e Metroid Zero Missions são considerados melhores que suas versões anteriores também.

Mas é pq a criação de um jogo nao considera apenas aspectos técnicos. Fazer um desenho aos 5 anos é diferente de fazer um desenho aos 50.

Existe uma evolução na sua técnica e tb no seu contexto.

Re como exemplo:

Re remake é exatamente o mesmo com novos gráficos. Ate aí blz. Custou uma certa quantia que com certeza foi menor que a da produção original mas qual o nível de aceitação depois do jogo ter evoluído todo seu aspecto com versões melhores e mais competentes em tudo?

Todo este conjunto influenciou em uma versão que vendeu menos a cada lançamento. Este é o fato base, logo cada vez menos pessoas estavam dispostas a jogar o mesmo jogo apenas pelo gráfico. Mas este grupo nao era absoluto. Tem os que estavam jogando pela primeira vez. E jogar re antigo depois de ter passado pelo 4, 5 ou 6 nao é lá a aquelas coisa...

Agora pensa que se vc quiser fazer disso um sucesso de vendas pra um publico onde a maioria já jogou, qual seria a opçao? Reformular toda a jogabilidade considerando a maturidade e mecânica que o jogo atingiu. Dai vc estaria fazendo um novo jogo.

Agora considere FF7 sobre esta mesma logica. Shenmue então é uma sequencia de um jogo de 15 anos. Veja o que aconteceu com DNF...

Fermac esta certo em dizer que ff7 é uma atitude desesperada e que ff15 corre serior riscos de flopar (talvez a Square ja saiba disso e vai tentar sua ultima cartada)...

Alias, nao só dela. O sucesso da Sony, que depois de amargar prejuízo e o fim de todos os seus negócios de forma desesperadora, só vai acontecer se ela repetir o que fez com o Playstation 1 em relação à concorrência. E só vai dar certo se amanha o PS4 deslanchar em vendas e ela dominar 90% do mercado em um ano. Só que naquela época a concorrencia era a Sega... Hoje é a MS...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tu tá levando conta o Ricko que realmente esperava Battletoads novo

Coitados. Não teria como comercializar um jogo desses hoje.

Edited by Fermac

Share this post


Link to post
Share on other sites

A vida não é feitas de sonhos. Estamos numa realidade e essa as vezes é frustrante.

Eu fiquei bem feliz com os anuncios, mas triste com outras:

CGs de coisas que não existem e podem não existir.

Vita foi oficialmente enterrado, essa é a maior vergonha da E3. Quem comprou esse lixo morreu com um peso de papel inutil.

Morpheus é um novo Move, nem vale a pena ser lembrado, que comprar vai gastar uma grana alta e receber uma giromba imensa na garganta.

TLG parece estar muito cru, tanto que não foi mostrado NADA além do que já havia sido.

Ao contrário de muitos eu não acho ICO e Shadow of the Colossus os melhores jogos da história. ICO é bom, fácil e curto. Shadow é muito bom, fácil e repetitivo.

Eu daria 8 pra ICO e 9 pra Shadow. Nada como rejogar algo para refrescar a mente. Eu até entendo que. hypa esses dois a enésima potência, por conta dessas baboseiras de arte, feeling e etc.

Share this post


Link to post
Share on other sites

TLG vai ser um bom jogo pra se ter uma experiência parecida com os dois anteriores, o que em videogames ainda é algo diferente.

Não é por causa dos anúncios dos jogos que a Sony "ganha", ainda estamos aqui na Terra onde Halo e Minecraft passam com um rolo compressor em cima desses jogos. É a questão da mensagem geral mesmo, e o fato da Microsoft perder tempo com coisas que denotam um atoleiro. Fica claro que a melhor compra é um PS4 desse jeito.

Edited by Fermac

Share this post


Link to post
Share on other sites

Coitados. Não teria como comercializar um jogo desses hoje.

Uma sequencia repaginada sim. Mas é xbla na certa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vita foi oficialmente enterrado, essa é a maior vergonha da E3. Quem comprou esse lixo morreu com um peso de papel inutil.

Mas foi decisão acertada. Tomara que não insistam em portátil nunca mais.

Uma sequencia repaginada sim. Mas é xbla na certa.

Ah tá, isso sim, jogo pequeno qualquer coisa serve. Olha cada coisa que aparece volta e meia...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas foi decisão acertada. Tomara que não insistam em portátil nunca mais.

Do ponto de vista comercial com certeza. Agora do ponto de vista Brand é uma grande cagada, eu por exemplo NUNCA mais compro qualquer coisada Sony que não seja Console de Mesa. Eu nem vou falar que comprei o Vita, por o que fiz foi bater um rolo num iPhone 4 velhaço, que paguei 300 reais e usei por 1 ano. Eu não gastei 1 real com o Vita, os jogos vieram por causa da Plus. Edited by RhaZo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não é por causa dos anúncios dos jogos que a Sony "ganha", ainda estamos aqui na Terra onde Halo e Minecraft passam com um rolo compressor em cima desses jogos. É a questão da mensagem geral mesmo, e o fato da Microsoft perder tempo com coisas que denotam um atoleiro. Fica claro que a melhor compra é um PS4 desse jeito.

This.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×