Jump to content
Ursozord

The Evil Within 2

Recommended Posts

20 minutos atrás, Libraink disse:

O primeiro é um jogaço. Um dos melhores jogos de horror com ação já feitos.

 

<_<

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não entendo o q vcs não gostam nesse jogo. Tudo nele é foda. É bem mais avançado em mecânica do que RE 4, considero uma evolução aliás, o gráfico tem uma arte de cair o queixo, uns monstros bem legais que até lembram um pouco Silent Hill (alguns deles), a dificuldade do jogo é bem feita e as armas também, o enredo é viajado mas até nisso acho o jogo muito competente pois o antagonista tem um aspecto legal, enfim... não entendo pq tanta gente não gostou desse jogo.

 

É muito superior a RE 4 e acho que terror em 3 pessoa que eu me lembre não tem nenhum que se compare.

Edited by Libraink

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tarjas horriveis comendo a tela inteira e prejudicando o desempenho na jogabilidade, historia tristemente horrivel, jogabilidade travadissima, se duvidar a do RE5 é melhor etc

Não consigo lembrar de nada do jogo que agrade lol, na epoca devo ter postado mais coisa que incomodou, agora não vou lembrar mais

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também gostei do game mesmo achando muita coisa brisada pra caralho.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando eu joguei ja tinha saido o patch q tirava as tarjas. alias o 2 nao terá tarjas.

 

a historia é muito superior ao Re

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu achei a dificuldade desequilibrada, tem muita parte de "memorização", principalmente as chases...

Sei lá... eu to cansado de horror + ação. Larguei Alan Wake por conta disso inclusive.

 

Horror pra mim é mais estilo Cthulhu, Amnesia, etc... esse estilo de TEW e Outlast mas me desagrada do que agrada .

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 horas atrás, Dark_Cloud disse:

se duvidar a do RE5 é melhor etc

 

lógico que RE é melhor

 

The Evil Within tem uma coisa boa: direção artística.

 

Mas o resto, absolutamente esquecível se não fosse ser uma experiência horrenda.

 

Me irritei absurdos jogando. Achei sem pé nem cabeça do início ao fim, a parte final é um dos piores momentos da história dos games, aquela luta no cérebro, bizarra. Tem muita repetição. 

 

Tensão é diferente de ficar jogando monstro na sua cara o tempo todo. É como se fosse a parte da serra elétrica do Resident Evil 4 mas no jogo inteiro, do começo ao fim.

 

Isso irrita, não é nada divertido.

 

Pra mim é um dos piores jogos já feitos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

huahuaha eu ainda vou jogar o primeiro. 

Demorei a comprar pq estava muito caro mas visualmente está bonitim 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A história do RE4 é ruim, mas a progressão do game é empolgante. Tem altos e baixos. A parte da vila é a melhor. Se não descambasse tanto depois do primeiro Verdugo no castelo, fosse direto pro Salazar sem aquela putaria de ficar matando 1000 inimigos um atrás do outro, se não tivesse repetição de El Gigantes, parte forçada da mina, e o estilo Rambo do final na ilha, seria um dos melhores jogos da história.

 

Ahh e os quick time events são uma bosta.

 

Toda a vila,Mendez, primeiro garrador no castelo, luta com o Verdugo, Salazar na planta, "It", regenerators no laboratório. São muitos momentos memoráveis no jogo. Ele peca pelo excesso. 

 

The Evil Within não tem nada de memorável tirando a enfermeira e a monstra cabeluda que não é original, pois aquele monstro veio do Silent Hill 4. Ele copia descaradamente SH na arte e RE4 na jogabilidade mas copia os negativos deste último.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

RE 4 não tem nada de terror. A história é constrangedora e hoje apesar de ainda ser um bom jogo pelas limitações tanto nisso quanto nos controles acho um jogo que se deteriora no tempo. Acho que EW é aquilo que o Mikami sempre quis fazer, embora não seja tão vendável pois tem um elemento de horror bem forte que afasta uma parcela do público.

 

Agora sobre esse negócio do final ficar muito action, eu concordo... mas não acho que isso seja ruim pois naquela altura vc já se sente tão foda q pode mandar 30, 40, 200 inimigos q vc explode todos eles. Gosto do fato do enredo não explicar tantas coisas.. o lance da cadeira elétrica, etc.

 

Agora o q é curioso nesse jogo é que ele comumente é ame ou odeie. E acho mais curioso ainda ele ter ganho essa continuação q tem tudo pra ser outro jogaço.

download.jpg

EvilWithin_2.jpg

Reborn-Laura-The-Evil-Within-1024x576.jpg

Edited by Libraink

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu amei o primeiro jogo, joguei no final do ano passado acho e tava tudo lindo, sem tarjas, bugs e essas chatices de jogos lançamentos.

 

Curti a história também, mas eu sou meio retardado com essas coisas vou atrás de informação e teorias quando uma história me chama atenção por isso não falo muito.

 

Esse segundo e mustbuy para mim.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

The Evil Within (1) e Shadows of the Damned sofrem do mesmo mal.. insistência do Mikami em tentar fazer outro RE4.

 

Os jogos são bons, mas só que algo na câmera/controle incomoda demais hj em dia, diria eu que ela é "presa demais" ao personagem.. e próxima demais em alguns casos (soma tudo isso com tarjas, dae fode). Outros TPS que derivaram do RE4 e n tentaram evoluir isso, idem - em 2005 ok, mas hj dá não.

 

E os três tem um quê de action querendo ser evil dead. Mikami podia parar com essa insistência e trazer de volta a tensão e atmosfera dos survivals que ele fazia antes. 

Edited by redronin
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

A camera de Evil Within é em primeira pessoa. Parece até dedo da Bethesda nisso.

 

Eu até entenderia uma pessoa q mal tocou no jogo nao reconhecer a superioridade dele em relacao a quase todo o resto do genero. Se a mecanica dele é limitada... imagina Silent Hill... imagina qualquer RE. Enfim. Mas vcs jogaram a porra do jogo. Vcs viram o q eu vi. Vcs fizeram os puzzles.. vcs tiveram q sacar os segredos dos chefes.. e mesmo assim dizem q o jogo é fraco.

 

Taí uma coisa q eu nunca vou entender na historia dos games. Esse jogo, a exemplo de alguns outros, é um mistério pra mim. kkkk em termos de opiniao publica de foruns pelo menos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

A única coisa que tenho contra o primeiro Evil Within é a quantidade de bugs que ele tinha, mas atualizações apareceram e boa parte deles sumiram.

 

É um jogo de terror survival excelente na minha opinião. Que venha o 2.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dead Space mostrou como colocar uma boa jogabilidade em jogos do estilo, Tarjas do Terror só serviu para mostrar como tarja em game é coisa de fdp sem ter o q fazer.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
51 minutos atrás, Dark_Cloud disse:

Dead Space mostrou como colocar uma boa jogabilidade em jogos do estilo [o resto é merda].

:mua: 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara o problema não são as mecânicas do jogo. A parte técnica que não é nenhum primor, é o menor dos problemas.

 

É que é tudo tão sem pé nem cabeça e de tamanho mau gosto, que chega a irritar.

 

Personagens, história, tudo é ruim. A trilha sonora também não é marcante, ninguém lembra das músicas. 

Os monstros que se repetem o tempo todo são até legais.

 

É um jogo que poderia ter sido bom pois ele prometeu muita coisa e no final entregou muito pouco, ele ainda teve sorte de ter saído sozinho no seu gênero, sem nenhum grande concorrente, pois Resident Evil já estava na merda nessa época e Silent Hill era só promessa antes de ser cancelado.

 

Esperei muito por ele em 2014 e peguei no lançamento, foi uma decepção. 

 

 

 

 

 

Edited by AmandinhaPlayer

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou replicar por partes.

 

Dead Space é ótimo tb mas a mecânica dele não é mais avançada em nada do que EW. Ele é meio travadão também.. a parte onde Dead Space se destaca é nas armas e EW também tem armas bem interessantes. Dead Space aliás não conseguiu evoluir e o terceiro acabou mandando a franquia pra gaveta.

 

Sobre repetição de inimigos eu discordo muito. EW tem inimigos muito legais e diversificados. Na parte final do jogo confesso que ter q matar humanos é meio broxante mas é algo minoritário no jogo e tem sua razão de ser no enredo. Aliás repito, se o enredo de EW é fraco imagina o q é o enredo de qualquer RE.

 

E por fim, quando eu joguei já tinha opção de tirar as tarjas..

Edited by Libraink

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×