Jump to content
vgBR - Videogames Brasil
Sign in to follow this  
SEELE-01

[Lacração News] LoL: Riot adverte times russos após desrespeito contra jogadoras da Vaevictis

Recommended Posts

Citar

LoL: Riot adverte times russos após desrespeito contra jogadoras da Vaevictis

 Clique para ver a imagem em tamanho original


A ROX e a Vega Squadron, equipes russas de League of Legends, foram advertidas pela Riot Games após os desrespeitarem as jogadoras da Vaevictis, time formado inteiramente por mulheres. Apesar de nenhuma punição ser aplicada, a Riot deixa claro que os times sofrerão penas graves em caso de reincidência.

"A Riot Games não aceita discriminação com base em sexo ou qualquer outra razão, e espera de todos os jogadores da LCL comportamento esportivo e respeito a seus oponentes. Os jogadores da ROX e do Vega Squadron violaram uma série de regras da liga, assim como pontos do Código do Invocado", afirmou a empresa em pronunciamento oficial.

Durante a fase de banimento, a ROX excluiu cinco campeões de suporte da partida contra a Vaevictis, atitude que a comunidade considerou desrespeitosa, já que não possuía nenhum embasamento estratégico e teria sido feita apenas para humilhar as jogadoras.

Apesar do banimento não desrespeitar as regras, a Riot considerou a ação como desrespeitosa, indo contra o item do regulamento que condena discriminação com base em gênero, etnia, condição social ou financeira, nacionalidade, orientação sexual ou qualquer outra razão.

Já a Vega Squadron prolongou a partida por mais tempo do que deveria: com o jogo dominado, os players não atacavam o Nexus apenas para conseguir mais abates. Nesse caso, a Riot interpretou a atitude como uma falta de fair play, e afirmou que prolongar o jogo é uma ação antidesportiva.
 
Fonte: Theenemy

 

548e9fbcdff6c.jpeg

Share this post


Link to post
Share on other sites

É q nem no futebol, não pode dar olé. Se entrou contra, tem q aguentar fdp, isso ate nos jogos pqp. Ai no caso é foda q foi contra mulher, tem q ver se ja fizeram o mesmo com nego ruim.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Me corrijam se eu estiver errado, mas se no futebol um jogador resolve humilhar o outro time que está perdendo, brincando com a bola fazendo embaixadinhas, por exemplo, isso é considerado fair play ou não?

 

Imagina um jogo entre o Brasil e o Camarões, por exemplo, e o Brasil começa a zombar dos jogadores do Camarões, julgando-os inferiores. Soaria mal, não?

 

Sinceramente, humilhar os oponentes eu acho patético e típico de um péssimo esportista. Não sei se cabe punição pra isso, mas a reação negativa da comunidade foi mais que coerente.

Edited by Billy Lee Black
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 minutos atrás, Billy Lee Black disse:

Me corrijam se eu estiver errado, mas se no futebol um jogador resolve humilhar o outro time que está perdendo, brincando com a bola fazendo embaixadinhas, por exemplo, isso é considerado fair play ou não?

 

Imagina um jogo entre o Brasil e o Camarões, por exemplo, e o Brasil começa a zombar dos jogadores do Camarões, julgando-os inferiores. Soaria mal, não?

 

Sinceramente, humilhar os oponentes eu acho patético e típico de um péssimo esportista. Não sei se cabe punição pra isso, mas a reação negativa da comunidade foi mais que coerente.

 

Concordo 100%.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O que me deixa mais intrigado, é que esses animais que zoam a mulherada nos jogos são os mesmos que desejam namorar uma mina que joga, ou que se perguntam porque a mulherada é minoria no mundo dos jogos.

 

Bem, a resposta está nessa matéria.

Edited by Billy Lee Black
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Botaram um time fodão contra um time que nem da mesma categoria é. É o mesmo que botar lutadores de pesos diferentes numa luta por exemplo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

A melhor forma de respeitar o adversário é jogar sério. Se for pra meter 20x0, que meta 20x0. O que não pode é meter 10x0 e ficar fazendo embaixadinha que nem um mongol. Na prática foi o que esses caras fizeram, prolongando um jogo que já estava dominado pra dar mais frags, ou seja lá o que for.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estes tópicos são sempre polêmicos, gerando sempre opiniões conflitantes.

Geralmente nem gosto de comentar sobre o assunto, porque muita gente interpreta errado e começa a aquela guerra santa webal pela justiça, honra e lealdade do cálice sagrado.

Então por favor, não me peguem para Cristo, pois vou apenas lançar algumas reflexões sobre o assunto. 

 

Provocação/ Bullying virtual vs. Cultura dos VideoGames

 

Desde que me entendo por gente, mesmo antes dos jogos online surgirem, desde a época das locadoras, dos fliperamas de boteco, jogos em LAN ou multiplayer local em nossas casas, sempre, eu disse SEMPRE houve aquela zoação e provocação contra o adversário. Fazer aquele bullyng chamando o cara de nOOb, ruim pacarai, etc... sempre fez parte desta cultura.

 

E essa cultura é compreensiva, "de certa modo", uma vez que aquilo é um game, descompromissado, para se divertir, mesmo que parte dessa diversão seja "malhar" o adversário.

Me diz aqui se existe algum "filho da puta" que nunca xingou ninguém jogando ou nunca deu aquela zoada no adversário!

Isso acontece nos videogames, nos esportes, em um jogo de baralho e onde for que exista competição. 

 

A premissa de "competição", nada mais é que uma "disputa para superar o outro".

Logo, sempre haverá um outro superado, um outro inferiorizado pela derrota, não importando se é um game descompromissado ou um esporte profissional/amador.

Se alguém se propõe a competir sem conseguir lidar sozinho com o fato de ser inferior ao outro ao perder, nem deveria se prestar ao desprazer de entrar em uma competição.

 

Acontece que a geração atual quer problematizar e enaltecer coisas absolutamente insignificantes e sem importância, seja qual for o campo de discussão.

 

Sabemos que mulheres estão numericamente em desvantagem no cenários dos jogos multijogador, fato.

Assim como também sabemos que, a cada partida onde há 1 mulher, 100% delas sofrerá algum tipo de assédio ou discriminação. Nisto todos concordam. É quase unânime.

 

Mas pensemos, "se tirarmos alguns números da bunda", imaginemos que a cada 1.000 jogadores, 1 é mulher e ela sempre será assediada.

Okay! Mas destes 999 jogadores homens restantes, quantos foram assediados em partidas online? Novamente tirando números da bunda, posso chutar que pelo menos 300 sofrem ou sofreram algum tipo de assédio por serem ruins ou por não terem habilidades necessárias em jogos de equipe.

 

Resumindo, se mulheres sofrem assédio em jogos online (e sim, sofrem muito), homens também sofrem, em número expressivamente maior que as mulheres.

Assédio/bullying é ruim para qualquer pessoa que é a vítima assediada. Não deveria ser segregado ou mais severo só porque foi contra uma ou mais mulheres.

 

Essa enaltecimento da figura feminina, me parece tão sem justificativa e tão desigual quanto as campanhas contra o Câncer de Mama. (apenas como analogia)

Temos o Outubro Rosa, contra o Câncer de Mama, a mídia com forte presença em campanhas, o Estado, etc, mas o mesmo não acontece com o Homem.

Sabiam que o câncer de próstata matam muito mais homens em quantidade do que câncer de mama mata mulheres?! Isto é um fato. Mas não é evidenciado ou enaltecido.

 

A seriedade dada ao assunto é desproporcional à realidade do cenário em questão.

Parece que estamos vivendo em uma sociedade cega à realidade, que busca problematizar e enaltecer coisas em detrimento de outras, ainda que estas outras também sejam igualmente sérias e que mereçam igual destaque.

 

Foda-se que o grupo citado na Copa LoL era feminino.

Sejam homens ou mulheres, nenhum deles gostaria de ser provocado, simplesmente porque nós "seres humanos" não sabemos lidar bem com o fato de "ser superado", de ser derrotado derrotado.

 

Esta é a verdadeira questão.

Não aguenta um "Chá de saquinho"no multiplayer, não desce pro Play, seja homem, mulher, ou alienígena.

Edited by SEELE-01

Share this post


Link to post
Share on other sites

Me mostra um caso desse tipo de humilhação entre times masculinos em um campeonato de LoL e eu vou concordar com você.

 

E aliás, estamos falando de um campeonato profissional, e não da galerinha da Lan House jogando, ou da molecada jogando uma pelada na rua. Sua comparação foi totalmente descabida.

 

Me mostra um caso de humilhação em esporte profissional que passou sem ninguém criticar.

Edited by Billy Lee Black
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

É falta de respeito e concordo com um puxão de orelha da liga por infringir código de conduta. Agora enquadrar isso como discriminação e exigir punição por discriminação é um pouco demais. Na própria TI de dota 2 é super comum você ver time mais fortes fazendo do picks mais estranhos possíveis e fora do meta quando pegam times mais fracos. Um time de futebol entrar com o time reserva numa competição é discriminação?

 

Os caras começam com esse tipo de atitude numa partida oficial de não levar o game, da forfeit e acabou.

 

no mais lembrei desse caso lol

 

 

Edited by psg1
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Billy Lee Black disse:

E aliás, estamos falando de um campeonato profissional, e não da galerinha da Lan House jogando, ou da molecada jogando uma pelada na rua. Sua comparação foi totalmente descabida.

 

Me mostra um caso de humilhação em esporte profissional que passou sem ninguém criticar.

 

Então lê novamente.

Desta vez, prestando atenção no que escrevi sobre o assunto, okay?

Edited by SEELE-01

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando focam no bullying virtual com mulheres gamers (que termo bosta, mas fica mais fácil) é por causa do ARGUMENTO DELAS SEREM MULHERES, assim como bullying contra opção sexual, cor de pele ou etinia. Todo tipo de bullying é reprimido atualmente (um assunto super em voga e discutido em tudo quando é midia e grupos sociais) a suposta "segregação" é que homem não sofre bullying por ser homem, né?

 

"Humilhação" de perder uma partida é COMPLETAMENTE DIFERENTE de ser desmerecido, seja pela habilidade, seja pelo sexo, opção sexual, cor de pele, etinia, etc. Ninguém ta falando de ser zuado entre amigos, na roda do fliper da esquina, na verdade o foco nem é zuação, mas o anti-jogo que ocorreu numa PARTIDA PROFISSIONAL. Dar forfait na partida não anula o anti-jogo, não é "só zuação".

TODO ESPORTE PORFISSIONAL rola punição por isso, não tem porque ser diferente nos games.

 

Se dão destaque para Outrubro Rosa, ÓTIMO, QUE DEEM CADA VEZ MAIS. Se quer mais destaque para uma prevenção ao cancer de próstata, brigue para ter mais, não ache uma coisa ruim uma propaganda forte e um enaltecimento do mesmo. Não é pq não dão destaque a um lado que o outro então deve igualmente ignorado, até pq existem milhões de motivos pelo qual um lado recebe mais foco q outro.

 

Existe um reforço e sensibilidade grande a situações do tipo com mulheres pq desde que o mundo é mundo mulher passa por situações onde ela são tratadas como inferiores apenas por ser mulher. Hj em dia ta melhor? Com certeza, mas longe, MUITO longe do ideal. Tosca é a cultura de q homem tem que aguentar se não é fresco, reclamar e apelar é frescura DE MULHER.

 

Concluindo, eu meio que concordo com o PSG e acho que a punição inserir uma suposta descriminação de gênero foi um pouco demais, já q não tem nada muito claro sobre essa motivação dos dois times russos.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Discriminação eu também acho que não foi bem o caso. Foi como o LOP falou, botaram times desproporcionais pra jogarem. A humilhação também acho que foi pelo outro time ser mais fraco.

 

Mas dá pra entender porque levaram pro lado da discriminação, porque as mulheres sofrem isso todo dia.

 

Ou seja, os caras foram mais infelizes ainda por humilharem justo um time feminino.

E Seele, você não entendeu ainda que esse tipo de bullying contra um time feminino vai sempre pesar muito mais que o bullying entre homens, simplesmente porque as mulheres sofrem discriminações diariamente de forma muito maior do que nós homens sofremos.

 

A gente só não enxerga o peso que essas discriminações causam na vida das mulheres, porque não somos mulheres e não vivenciamos isso. E é por isso que muitos têm essa opinião de que o mundo tá chato, é tudo lacração etc. 

 

Mas quem é que reclama mais disso? Pasme, quem não é o alvo desses tipos de discriminações, no caso, nós homens, como você está fazendo.

 

 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só para constar o porque dos 5 bans em support não ser coisa de outro mundo, pelo menos no meu entendimento desse subjogo rs.

 

Se eu li direito o imbróglio todo por ai, o Vaevictis demitiu todo o rooster no fim de janeiro (29/01) depois de uma temporada ruim e contratou como jogada de marketing 5 jogadoras randômicas, de um nível muito abaixo da competição, no fim de janeiro e que tinham seus main heroes como support. Só para dizer que a organização (Vaevictis) e a propria Riot tem um dedinho na historia por não coibir esse tipo de situação.

 

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se os "humilhados" fossem um time inteiramente masculino não teria tido nem 10% da repercussão que teve. Isso aí não passa de mimimi e muita vontade da mídia de lacrar.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 22/02/2019 em 21:21, SEELE-01 disse:

Estes tópicos são sempre polêmicos, gerando sempre opiniões conflitantes.

Geralmente nem gosto de comentar sobre o assunto, porque muita gente interpreta errado e começa a aquela guerra santa webal pela justiça, honra e lealdade do cálice sagrado.

Então por favor, não me peguem para Cristo, pois vou apenas lançar algumas reflexões sobre o assunto. 

 

Provocação/ Bullying virtual vs. Cultura dos VideoGames

 

Desde que me entendo por gente, mesmo antes dos jogos online surgirem, desde a época das locadoras, dos fliperamas de boteco, jogos em LAN ou multiplayer local em nossas casas, sempre, eu disse SEMPRE houve aquela zoação e provocação contra o adversário. Fazer aquele bullyng chamando o cara de nOOb, ruim pacarai, etc... sempre fez parte desta cultura.

 

E essa cultura é compreensiva, "de certa modo", uma vez que aquilo é um game, descompromissado, para se divertir, mesmo que parte dessa diversão seja "malhar" o adversário.

Me diz aqui se existe algum "filho da puta" que nunca xingou ninguém jogando ou nunca deu aquela zoada no adversário!

Isso acontece nos videogames, nos esportes, em um jogo de baralho e onde for que exista competição. 

 

A premissa de "competição", nada mais é que uma "disputa para superar o outro".

Logo, sempre haverá um outro superado, um outro inferiorizado pela derrota, não importando se é um game descompromissado ou um esporte profissional/amador.

Se alguém se propõe a competir sem conseguir lidar sozinho com o fato de ser inferior ao outro ao perder, nem deveria se prestar ao desprazer de entrar em uma competição.

 

Acontece que a geração atual quer problematizar e enaltecer coisas absolutamente insignificantes e sem importância, seja qual for o campo de discussão.

 

Sabemos que mulheres estão numericamente em desvantagem no cenários dos jogos multijogador, fato.

Assim como também sabemos que, a cada partida onde há 1 mulher, 100% delas sofrerá algum tipo de assédio ou discriminação. Nisto todos concordam. É quase unânime.

 

Mas pensemos, "se tirarmos alguns números da bunda", imaginemos que a cada 1.000 jogadores, 1 é mulher e ela sempre será assediada.

Okay! Mas destes 999 jogadores homens restantes, quantos foram assediados em partidas online? Novamente tirando números da bunda, posso chutar que pelo menos 300 sofrem ou sofreram algum tipo de assédio por serem ruins ou por não terem habilidades necessárias em jogos de equipe.

 

Resumindo, se mulheres sofrem assédio em jogos online (e sim, sofrem muito), homens também sofrem, em número expressivamente maior que as mulheres.

Assédio/bullying é ruim para qualquer pessoa que é a vítima assediada. Não deveria ser segregado ou mais severo só porque foi contra uma ou mais mulheres.

 

Essa enaltecimento da figura feminina, me parece tão sem justificativa e tão desigual quanto as campanhas contra o Câncer de Mama. (apenas como analogia)

Temos o Outubro Rosa, contra o Câncer de Mama, a mídia com forte presença em campanhas, o Estado, etc, mas o mesmo não acontece com o Homem.

Sabiam que o câncer de próstata matam muito mais homens em quantidade do que câncer de mama mata mulheres?! Isto é um fato. Mas não é evidenciado ou enaltecido.

 

A seriedade dada ao assunto é desproporcional à realidade do cenário em questão.

Parece que estamos vivendo em uma sociedade cega à realidade, que busca problematizar e enaltecer coisas em detrimento de outras, ainda que estas outras também sejam igualmente sérias e que mereçam igual destaque.

 

Foda-se que o grupo citado na Copa LoL era feminino.

Sejam homens ou mulheres, nenhum deles gostaria de ser provocado, simplesmente porque nós "seres humanos" não sabemos lidar bem com o fato de "ser superado", de ser derrotado derrotado.

 

Esta é a verdadeira questão.

Não aguenta um "Chá de saquinho"no multiplayer, não desce pro Play, seja homem, mulher, ou alienígena.

Vc está errado.

 

Isso é coisa de amador. Esses caras são profissionais.

 

Num ambiente profissional, não há espaço pra isso.

 

Ponto.

Edited by JD

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, JD disse:

Vc está errado.

Isso é coisa de amador. Esses caras são profissionais.

Num ambiente profissional, não há espaço pra isso.

Ponto.

 

Fiquei confuso.

Como estou errado se concordo com a sua afirmação?

Até porque não estou discutindo o cenário profissional, mas sim a questão de "bullying", que considero desagradável EM QUALQUER cenário. Não tem espaço pra isso é na sociedade.

 

Parece que vocês tem preguiça de ler as vezes... ou então é apenas a necessidade de ser o campeão das interwebs e dizer:
"Você está errado, eu estou certo, e ponto!"

 

Citar

Resumindo, se mulheres sofrem assédio em jogos online (e sim, sofrem muito), homens também sofrem, em número expressivamente maior que as mulheres.

Assédio/bullying é ruim para qualquer pessoa que é a vítima assediada. Não deveria ser segregado ou mais severo só porque foi contra uma ou mais mulheres.

 

 

 

 

Edited by SEELE-01

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas é isso que você não entendeu ainda. A humilhação em cima das mulheres pesa muita mais que em cima dos homens. Não é tudo igual como você tá pregando.

 

Se fosse tudo igual, mulher não sofreria assédio o tempo todo nos jogos, assim como você mesmo disse em seu texto. No mínimo você foi contraditório.

 

É a mesma coisa de você dizer que tem o mesmo peso um branco chamar um negro de "macaco", e um negro chamar um branco de "limão azedo". Não é o mesmo peso.

 

Volto a dizer, só fala que é mimimi quem não vive isso. 

Edited by Billy Lee Black
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 minutos atrás, Billy Lee Black disse:

Mas é isso que você não entendeu ainda. A humilhação em cima das mulheres pesa muita mais que em cima dos homens. Não é tudo igual como você tá pregando.

 

Se fosse tudo igual, mulher não sofreria assédio o tempo todo nos jogos, assim como você mesmo disse em seu texto. No mínimo você foi contraditório.

 

Entendi sim. Entendo e concordo, tanto é que escrevo isto de forma bem clara. Só não entendeu quem não leu mesmo.

E definitivamente não... não estou "pregando" que é tudo igual. Estou dizendo que é um tratamento desproporcional ao caso em si. O incidente não merece tamanha proporção e nem por isso deixa de ser um assunto sério na sociedade moderna.

 

E você sabe bem do que estou falando, no mínimo...

E não é só a "mulher" que sofre assédio o tempo todo... é qualquer indivíduo.

Edited by SEELE-01

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 22/02/2019 em 23:53, psg1 disse:

no mais lembrei desse caso lol



 

 

Jogador de futebol brigando é muito ridículo. Dá um bico e sai correndo hahaha

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×